Você está aqui: Página Inicial > Vice-Presidência > Vice-Presidente > Notícias > Notícias do Vice > 2011 > Agosto > Temer dá início a ação de segurança na fronteira amazônica

Notícia

Temer dá início a ação de segurança na fronteira amazônica

Vice-presidente visita instalações das Forças Armadas na Amazônia e presencia assinatura de acordo internacional com a Colômbia na área de segurança fronteiriça
por Portal Planalto publicado: 05/08/2011 10h13 última modificação: 27/11/2014 12h34
O vice-presidente da República, Michel Temer, realizou nos dias 3 e 4 de agosto viagem de reconhecimento a instalações militares do Comando Militar da Amazônia, na área de fronteira. A convite do ex-ministro da Defesa, Nelson Jobim, Temer esteve, no primeiro dia, na 2ª Brigada de Infantaria da Selva em São Gabriel da Cachoeira (AM), área conhecida como "Cabeça do Cachorro", onde participou de reunião sobre a operação Ágata, cujo objetivo estratégico é combater os ilícitos do crime organizado na região fronteiriça com a Colômbia. Estarão mobilizados contingentes das Forças Armadas, Polícia Federal, Receita Federal, Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas, Instituto Chico Mendes para organizarem uma ofensiva contra as quadrilhas que atuam na região.
No dia 4/8, o vice-presidente visitou o Comando de Fronteira do Solimões e o 8º Batalhão de Infantaria da Selva, em Tabatinga (AM), área da tríplice fronteira com a Colômbia e o Peru, onde presenciou a assinatura de um acordo binacional com a Colômbia na área de segurança fronteiriça. Participaram da solenidade, pelo lado colombiano, o vice-presidente da Colômbia, Angelino Garzon, e o ministro da Defesa, Rodrigo Rivera Salazar, acompanhados de oficiais do exército colombiano.
Representando o Brasil, além de Jobim e Temer, estavam presentes os ministros da Justiça, José Eduardo Cardozo, e da Secretaria de Assuntos Estratégicos, Moreira Franco, além dos comandantes das Forças Armadas e diversos oficiais do Estado Maior.
A viagem terminou com uma visita ao Pelotão Especial de Fronteira Ipiranga, do Exército, às margens do rio Içá, localidade onde 66 militares e seus familiares convivem com 300 civis e conduzem atividades de patrulhamento do rio e reconhecimento da área de fronteira. Temer visitou navio da Marinha que na semana passada apreendeu mais de 300 quilos de cocaína. Esse tipo de ação será reforçada com a operação Ágata.