Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2015 > 06 > Governo destina R$ 4,6 milhões para reconstrução de casas em região atingida por tornado em SC

Notícia

Governo destina R$ 4,6 milhões para reconstrução de casas em região atingida por tornado em SC

Habitação

As 96 residências serão entregues em até 120 dias, nas cidades de Xanxerê e Ponte Serrada, em Santa Catarina
por Portal Planalto publicado: 01/06/2015 17h31 última modificação: 01/06/2015 17h31
Roberto Stuckert Filho/PR Presidenta Dilma sobrevoou os municípios de Xanxerê e Ponte Serrada, em Santa Catarina

Presidenta Dilma sobrevoou os municípios de Xanxerê e Ponte Serrada, em Santa Catarina

O governo federal  iniciou, nesta segunda-feira (1o), a entrega das 96 residências as moradores das cidades Xanxerê e Ponte Serrada (SC), desabrigados após a passagem de um tornado no dia 20 de abril. O Ministério da Integração Nacional vai repassar para o governo de Santa Catarina cerca de R$ 4,6 milhões e todas as famílias receberão as novas moradias em até 120 dias.

Em visita aos dois municípios em 27 de abril passado, a presidenta Dilma Rousseff sobrevoou as áreas afetadas e anunciou que o governo federal adotaria as medidas necessárias para o apoio e reconstrução das localidades atingidas. Na ocasião, Dilma comunicou a liberação de R$ 2,8 milhões para ações emergenciais de socorro, assistência e restabelecimento de serviços essenciais e mais R$ 3 milhões para reconstrução do ginásio municipal Ivo Sguissardi, que foi completamente destruído.

Além disso, foram liberados recursos do FGTS e a antecipação dos benefícios de prestação continuada do INSS para as famílias que desejassem utilizar os benefícios na recuperação de prejuízos.

"Viemos ao estado um dia após o tornado e, uma semana depois, a presidenta veio verificar a situação de perto. Já havíamos liberado R$ 2,8 milhões. Agora é a fase da reconstrução", ressaltou o ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi,  nesta segunda-feira, durante a cerimônia de entrega da primeira casa modular para a família de Vitorino e Maria Boff.

 Para o governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, o momento é de comemoração de uma ação concreta e eficaz. "O governo federal tem sido parceiro, achando a solução ao invés de ficar no problema. Hoje, com a entrega da primeira casa modular, temos uma ação concreta", afirmou.

Ajuda do Exército

No dia seguinte a passagem do tornado (21/4), o governo federal enviou 200 homens do Exército para ajudar na desobstrução de vias e na retirada dos escombros, além de auxiliar na distribuição de alimentos, água, materiais de higiene pessoal e kits dormitório para a população.

A passagem do tornado pela região oeste de Santa Catarina deixou 600 cidadãos desabrigados, além de 120 pessoas feridas e outras duas mortas.

Fonte:

Portal Planalto, com informações do Ministério da Integração Nacional e TV NBR