Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2015 > 05 > Sisu abre segundo período de inscrições pela internet a partir de 8 de junho

Notícia

Sisu abre segundo período de inscrições pela internet a partir de 8 de junho

Acesso ao ensino superior

Sistema já ofereceu mais de 900 mil vagas em cursos de universidades públicas em seis edições. Para participar, estudante precisa ter realizado o Enem em 2014 sem ter zerado a prova de redação
por Portal Planalto publicado: 29/05/2015 13h33 última modificação: 02/07/2015 21h05
Leonardo Bettinelli/ UFPR Estudantes aprovados pelo Sisu realizam matrícula na Universidade Federal do Paraná (UFPR) na primeira seleção de 2015

Estudantes aprovados pelo Sisu realizam matrícula na Universidade Federal do Paraná (UFPR) na primeira seleção de 2015

A segunda fase de inscrições do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) será iniciada no próximo dia 8 de junho e segue até o dia 10 de junho, somente pela internet. O Portal do Sisu divulgará a relação de vagas oferecidas e a lista de instituições de ensino superior públicas que irão ofertá-las a partir da próxima semana, a primeira de junho.

Desde o seu início em 2010 até o primeiro semestre de 2015, o Sisu já ofertou 910.417 vagas em instituições públicas de ensino superior. No processo seletivo realizado no início do ano, mais de 2,7 milhões de estudantes se inscreverem para disputar 205 mil vagas em 128 universidades, faculdades, institutos federais e instituições estaduais.

O resultado da segunda seleção será divulgado em 15 de junho em uma única chamada. As matrículas, para aqueles que forem selecionados, deverão ser realizadas entre os dias 19 e 23 de junho (apenas dias úteis).

Haverá lista de espera para candidatos que não conseguirem vaga na chamada regular entre os dias 15 e 26 de junho. Para esta etapa, o candidato só poderá manifestar interesse em participar da lista de espera para o curso que escolheu como primeira opção. O cronograma do Sisu está publicado na edição desta sexta-feira (29) no Diário Oficial da União.

O Sisu forma com o Programa Universidade para Todos (Prouni) e o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) o tripé de ações do governo federal para que cada vez mais brasileiros tenham acesso ao ensino superior. Desde 2010, quando o Sisu foi criado e o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) passou a ser exigido também como parte do critério de seleção para o Fies e o Prouni, foram ofertadas 3,9 milhões de vagas ou bolsas de estudos.

O Sisu é um sistema informatizado gerenciado pelo Ministério da Educação no qual universidades públicas oferecem vagas em seus cursos para aqueles estudantes que realizaram o Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) de 2014 -- sem ter zerado a redação. Até o fim do período de inscrições são selecionados os candidatos mais bem classificados dentro das vagas ofertadas.

O estudante poderá se inscrever para até duas opções de vaga, especificando a ordem de preferência. Entre os dias de inscrições é possível mudar as escolhas.

Enem 2015

O Enem tem 2,5 milhões de inscritos, segundo balanço divulgado na manhã de hoje (29) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O prazo de inscrição começou em 25 de maio e vai até 5 de junho, pelo site do Enem. A expectativa é de que mais de 9 milhões de alunos se inscrevam.

Para evitar lentidão no acesso, o Inep recomenda que os candidatos acessem o site entre as 6h e 7h ou após as 20h. Nos demais horários, pode ocorrer congestionamento por causa do alto número de acessos.

Além dos já citados Sisu, Prouni e Fies, o Enem é usado como critério de seleção para a participação no Ciência sem Fronteiras e o Sisutec.

As provas serão realizadas nos dias 24 e 25 de outubro. O exame abre a oportunidades de acesso ao ensino superior para milhares de brasileiros

Fonte:

Portal Planalto, com informações da Imprensa Nacional, do Portal Sisu, do Ministério da Educação e da Agência Brasil