Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2015 > 05 > Seis estados do Nordeste recebem nono dígito em celulares a partir deste domingo (31)

Notícia

Seis estados do Nordeste recebem nono dígito em celulares a partir deste domingo (31)

Telefonia móvel

Medida implementada pela Anatel vale para os estados de Pernambuco, Alagoas, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará e Piauí
por Portal Planalto publicado: 30/05/2015 14h36 última modificação: 31/05/2015 09h10
Foto: Marcos Santos/USP Imagens Nono dígito deverá ser acrescentado no momento da discagem, por todos os usuários de telefone fixo e móvel

Nono dígito deverá ser acrescentado no momento da discagem, por todos os usuários de telefone fixo e móvel

Os números de celulares de seis estados da região Nordeste receberão o nono dígito a partir deste domingo (31). A medida implementada pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) é necessária devido ao crescimento da quantidade de linhas telefônicas no País.

Todas as linhas dos DDDs 81 e 87 (Pernambuco), 82 (Alagoas), 83 (Paraíba), 84 (Rio Grande do Norte), 85 e 88 (Ceará), e 86 e 89 (Piauí) passarão a ter um nove à esquerda. Apenas dois estados da região ficam de fora: Bahia e Sergipe, que receberão o nono dígito apenas em outubro, junto com Minas Gerais. O Maranhão já passou pela mudança em outubro de 2014.

Com a medida, o nono dígito deverá ser acrescentado no momento da discagem por todos os usuários de telefone fixo e móvel que liguem para os estados acima mencionados, independentemente do local de origem da chamada. 

Acesse a cartilha da Agência Nacional de Telecomunicações sobre a implementação do nono dígito para celular.

Alteração gradual

Nos primeiros dias após a alteração, entre 31 de maio e 9 de junho, quem ligar com o padrão de oito dígitos terá sua chamada efetuada, mas ouvirá uma mensagem alertando sobre como deve ser feita a discagem no futuro.

Além disso, durante as chamadas, quem estiver ligando vai receber mensagens com orientação sobre a nova forma de discagem. Depois do período de adaptação, entre 10 de junho e 7 de setembro, as chamadas com oito dígitos não serão mais completadas.

De acordo com a Anatel, usuários de qualquer lugar devem discar o 9 antes do número do celular das regiões que tiveram a mudança. Já os números dos serviços de telefonia fixa e móvel especializado (serviço que possibilita a comunicação via radiocomunicação para uma pessoa ou grupos de pessoas) não vão sofrer alterações, permanecendo com oito dígitos.

Adesão em outros estados

Outros 13 DDDs dos estados de Minas Gerais, Bahia e Sergipe terão o 9 acrescentado aos números de celular a partir do dia 11 de outubro de 2015. Confira os DDDs afetados: 

  • Minas Gerais: Áreas com DDD 31, 32, 33, 34, 35, 37 e 38; 
  • Bahia: Áreas com DDD 71, 73, 74, 75 e 77;
  • Sergipe: Área com DDD 79. 


Já nos estados do Acre, Rondônia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Goiás, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, além do Distrito Federal, Segundo a Anatel, a data para implementação do nono dígito ainda será definida. Segundo a Anatel, isso deve acontecer até 31 de dezembro de 2016. Já nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Maranhão, Amazonas, Roraima, Amapá e Pará a medida já foi implantada e as ligações exigem o acréscimo do nono dígito. 

Alteração automática

Para não ter que modificar toda a sua agenda telefônica manualmente, é possível baixar aplicativos para celulares modelo smartphone que realizam toda a mudança de forma automática. Para isso, basta buscar na loja do seu telefone por "nono dígito" e escolher algum aplicativo que realize a conversão. 

Fonte:
Portal Planalto com informações da Empresa Brasil de Comunicação, Agência Nacional de Telecomunicações, Ministério das Comunicações e Portal Brasil