Você está aqui: Página Inicial > Excluir (Histórico não Será Migrado) > Prorrogado o prazo de adesão ao Programa Atleta na Escola

Notícia

Prorrogado o prazo de adesão ao Programa Atleta na Escola

por Portal Planalto publicado: 31/05/2013 16h59 última modificação: 31/05/2013 18h34

O prazo de adesão ao Programa Atleta na Escola foi prorrogado. Antes, o prazo final era 1o de junho. Agora, as secretarias estaduais e municipais de educação do país têm até 14 de junho para aderir ao programa. O dia 26 de junho é a data-limite para realização das etapas escolares e o dia 28 de junho o prazo final para divulgação dos resultados das competições no site www.atletanaescola.mec.gov.br.

As novas datas foram ajustadas na última semana de maio, pelos ministérios da Educação, Esporte e Defesa - pastas integrantes do programa. O programa foi lançado no início do mês com o objetivo de descobrir talentos e transformá-los em atletas olímpicos. Este ano o foco será nas competições de atletismo. Os estudantes poderão disputar corrida de velocidade, resistência e salto.

Até agora, a parceria teve adesão de 10.878 escolas (privadas, municipais e estaduais) de 3.857 municípios dos 26 estados e do Distrito Federal. Uma equipe interministerial fez a avaliação desses resultados. “No balanço, tido como positivo pelos técnicos, cerca de 70% dos municípios brasileiros, assim como 50% das escolas representantes de todos os estados já efetivaram a adesão ao Programa Atleta na Escola”, esclarece o diretor de Alto Rendimento do Ministério do Esporte, André Arantes.

A meta do programa é a participação de 5 milhões de alunos entre 12 e 17 anos, de 20 mil escolas. Para esses centros de ensino, o Ministério da Educação fará repasse de recursos para a realização de competições pelas escolas, municípios, estados e Distrito Federal..

Dinâmica

Depois da etapa escolar, as competições irão evoluir para etapas municipais, estaduais e, por fim, uma competição nacional. Após as disputas, que terminam em novembro, serão selecionados jovens para treinamento de alto rendimento.

Plano Brasil Medalhas - Está prevista a implantação em 2014 de modalidades das Paraolimpíadas Escolares, além de arremesso (atletismo), judô e vôlei. Em 2015, será a vez do basquete e do handebol. Em 2016, as lutas entram no programa de competições.

O Atleta na Escola também tem como objetivo servir de base para o plano Brasil Medalhas 2016, um investimento de R$ 1 bilhão em ações para que o país fique entre os dez melhores colocados nos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos do Rio de Janeiro.

Fonte: Portal Planalto com informações do Ministério do Esporte

Assunto(s): Governo federal