Notícias

Plano Progredir

Beneficiários do Bolsa Família terão acesso a microcrédito para empreender

publicado: 05/07/2018 18h40, última modificação: 06/07/2018 11h10
Montante de R$ 4 bilhões será destinado para pessoas em condições de vulnerabilidade e que estão no Cadastro Único
Governo anuncia R$ 4 bilhões em microcrédito

Programa oferece microcrédito e ferramentas de qualificação, trabalho e empreendedorismo aos inscritos no Cadastro Único - Foto: Arquivo/Agência Brasil

O governo do Brasil anunciou a liberação de R$ 4 bilhões para operações de microcrédito no plano Progredir. O objetivo é que beneficiários do Bolsa Família e pessoas no Cadastro Único tenham acesso a crédito em condições especiais para que possam empreender. O anúncio ocorreu nesta quinta-feira (5).

De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social, esses recursos devem beneficiar cerca de 1,5 milhão de pessoas. Até maio, R$ 3,3 bilhões foram liberados e usados por esse público para dar início ao próprio negócio e gerar renda.

Essas operações são oferecidas para pessoas em condição de vulnerabilidade e que em outras circunstâncias não teriam acesso a crédito por não terem como dar garantias. Para resolver o problema, o governo criou um aval solidário, no qual, se uma pessoa do grupo não cumpre com suas obrigações, todas as outras cobrem o valor devido. Com esse modelo, a inadimplência ficou em 1% das operações.

De onde sai esse dinheiro

Os novos R$ 4 bilhões devem ser liberados ao longo dos próximos 12 meses e não envolvem recursos públicos. Esse dinheiro sairá de uma reserva que as instituições financeiras devem fazer junto ao Banco Central. Ao invés de deixar o dinheiro parado, ele é usado para gerar riqueza para pessoas em condições de vulnerabilidade.

Fonte: Governo do Brasil, com informações do MDS

Reportar erro
Assunto(s): Proteção Social