Notícia

Retomada do Crescimento

Reformas econômicas vão reduzir privilégios, afirma Maia

publicado: 20/06/2017 21h01, última modificação: 26/02/2018 12h28
Avaliação é do presidente em exercício, Rodrigo Maia, que assumiu o Executivo durante viagem internacional de Michel Temer
Reformas econômicas vão reduzir privilégios, afirma Maia

Maia elogiou posição do governo de discutir o tema da segurança pública - Foto: Divulgação/Palácio do Planalto

O presidente da República em exercício, Rodrigo Maia, afirmou que as reformas econômicas, como a da Previdência e a modernização trabalhista, são essenciais para reduzir privilégios e assegurar os direitos da população. Maia discursou durante o 7º Seminário Internacional de Direito Administrativo e Administração Pública, na noite desta terça-feira (20).

"O Brasil vem há muitos anos beneficiando poucos em detrimento da maioria da população brasileira", afirmou Maia. "Enfrentamos crises que não são pequenas, mas que são enormes e a cada um de nós cabe construir soluções", ponderou.

Rodrigo Maia ainda ressaltou que o papel do governo federal é determinante para enfrentar a crise na segurança pública dos estados: "Os crimes no Brasil são internacionais. Hoje pela primeira vez, o governo federal assume sua responsabilidade nesse tema", disse. "Esse debate do tema da segurança é prioritário, nós precisamos discutir esse novo modelo em que o governo federal assume a responsabilidade. Isso é um avanço", destacou.

Fonte: Portal Planalto

Reportar erro