Notícia

Desastre ambiental

Temer determina auxílio do governo brasileiro ao Chile

publicado: 26/01/2017 22h08, última modificação: 26/02/2018 12h28
País sulamericano atravessa a maior catástofre florestal em sua história. Pelo Twitter, presidente da República se solidarizou com as vítimas e seus familiares
Temer determina auxílio do governo brasileiro ao Chile

Presidente também se solidarizou com as vítimas e seus familiares - Foto: Foto: Beto Barata/PR

O presidente da República, Michel Temer, determinou nesta quinta-feira (26) que o governo brasileiro preste "toda a ajuda possível" ao Chile após a maior catástofre florestal da história do país sulamericano. Até o momento, dez pessoas morreram e milhares foram evacuadas de cidades das regiões do Centro e Sul chilenos.

"Determinei às autoridades competentes que o governo brasileiro preste toda a ajuda possível", afirmou o presidente, em mensagem no seu perfil no Twitter. No pronunciamento, Temer disse acompanhar com "grande preocupação" os incêndios que avançam pelo Chile.

Além de determinar que o governo brasileiro dê toda a ajuda possível ao país, Temer também prestou a sua solidariedade e do povo brasileiro aos chilenos. "O Brasil solidariza-se com as vítimas, com as famílias dos que perderam suas vidas e com o povo chileno", disse.

De acordo com o governo chileno, são comuns os incêndios nas duas regiões durante a época de estiagem. No entanto, em 2017 um novo fator entrou em cena: as mudanças climáticas. 

O fenômeno causa uma seca recorrente no país há oito anos, e em janeiro provocou temperaturas superiores a 35 graus, que propiciaram um cenário propício a fortes chamas em florestas e cultivos.

Fonte: Portal Planalto

registrado em: ,
Reportar erro