Notícia

Governança

Agro+ Integridade vai aumentar a eficiência do agronegócio brasileiro, diz Temer

publicado: 12/12/2017 19h09, última modificação: 26/02/2018 12h02
Com lançamento do programa, setor ganha em transparência também. Vantagens serão estendidas ao consumidor, acrescenta Temer

Lançado, nesta terça-feira (12), pelo Governo do Brasil, o programa Agro+ Integridade vai melhorar o ambiente e, ao mesmo tempo, aumentar a eficiência do agronegócio. A avaliação é do presidente da República, Michel Temer, ao discursar na cerimônia realizada no Palácio do Planalto.

Segundo Temer, o Governo do Brasil tem na eficiência, tanto do setor público quanto da iniciativa privada, uma “preocupação central”. “Hoje, nós damos outro passo para aprimorar o ambiente institucional do agronegócio e para torná-lo ainda mais eficiente”, disse Temer.

“[O setor da agricultura] na verdade convivia com regras antiquadas, anacrônicas, convivia com regras literalmente centenárias, como revelou o ministro [da Agricultura, Pecuária e Abastecimento] Blairo Maggi no lançamento do Agro+, no ano passado”, afirmou.

Durante o discurso, Temer ressaltou a importância de todo o setor ligado à agropecuária, para a recuperação econômica do País. Ao estabelecer mecanismos de controle, todos saem ganhando. “Mais transparência dá ao setor mecanismos de controle, e reconhece e valoriza o consumidor brasileiro”, disse.

Atuação conjunta

Ao discursar na cerimônia, Blairo Maggi lembrou que as medidas de governança foram adotadas após a deflagração da Operação Carne Fraca, em março. A ação apurou o envolvimento de funcionários que favoreceram frigoríficos em fiscalizações do órgão.

"Uma das lições que tiramos desse processo dentro de todo o trabalho que tivemos de mercados que fecharam de um dia para o outro (...) trouxemos instrumentos novos de gestão que esperamos que abra cada vez o mercado do Brasil e que o Brasil seja cada vez mais reconhecido pela sua agricultura e pecuária", ponderou.

Fonte: Planalto