Você está aqui: Página Inicial > Acompanhe o Planalto > Notícias > 2017 > 09 > Temer: "Área econômica é espaço privilegiado para atuação concentrada do Brics"

Notícia

Temer: "Área econômica é espaço privilegiado para atuação concentrada do Brics"

Brasil no Brics 2017

Presidente da República afirmou que a redução de trâmites governamentais irá favorecer o comércio entre os cinco países integrantes do grupo
por Portal Planalto publicado: 04/09/2017 02h58 última modificação: 04/09/2017 10h43
Beto Barata/PR Novo Banco de Desenvolvimento (NBD) é espaço para acordos e cooperação entre os Brics

Novo Banco de Desenvolvimento (NBD) é espaço para acordos e cooperação entre os Brics

Em reunião ampliada na 9ª Cúpula do Brics, neste domingo (3), em Xiamen, na China, o presidente da República, Michel Temer, ressaltou que a área econômica é dos setores mais favoráveis à atuação coordenada do grupo, que reúne Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. "A área econômica é espaço privilegiado para a atuação concertada do Brics. Nela, temos colhido excelentes resultados, que nos dão razão para fundado otimismo", afirmou.

Por isso, o presidente defendeu que a redução da burocracia para o comércio exterior deve beneficiar todos os integrantes do grupo: "Precisamos simplificar procedimentos de exportação e importação. Precisamos, talvez, dar mais agilidade aos trâmites governamentais". A flexibilização de barreiras econômicas será firmada com a assinatura de um acordo ainda durante a realização da cúpula.

O presidente destacou ainda a relevância do Novo Banco de Desenvolvimento (NBD), o banco do Brics, que "consolida-se como instituição de reconhecida capacidade a serviço da expansão da infraestrutura, a serviço do crescimento", enfatizou. Criada em 2014, a instituição apoia e impulsiona projetos de integrantes do grupo, sobretudo no setor de desenvolvimento sustentável.

"É preciso que o banco mantenha elevados padrões de governança e de transparência, como vem acontecendo. Isso é fundamental para que continuemos a ter, sempre, uma instituição sólida, que atenda às expectativas do Brics e do mundo", afirmou Temer.

Infraestrutura

Em seu discurso, o presidente ressaltou ainda o estabelecimento de cooperação no transporte aéreo. "O investimento em infraestrutura de transportes é peça-chave para o aumento da competitividade de nossos produtos, para a dinamização de nossas economias", disse o presidente. "A aviação regional é setor crucial para países de dimensão continental como é o Brics", completou.

 Fonte: Portal Planalto