Você está aqui: Página Inicial > Acompanhe o Planalto > Notícias > 2017 > 07 > Selic: decisão incentiva investimentos e geração de empregos, diz Temer

Notícia

Selic: decisão incentiva investimentos e geração de empregos, diz Temer

Selic

Pela primeira vez em quatro anos, taxa básica da economia brasileira é reduzida para um dígito. Porta-voz Alexandre Parola destaca conjunto de conquistas em um ano de governo
por Portal Planalto publicado: 26/07/2017 19h26 última modificação: 26/07/2017 22h33
Beto Barata/PR Temer usou as redes sociais para comentar a decisão do Copom

Temer usou as redes sociais para comentar a decisão do Copom

Em mensagens nas redes sociais, o presidente da República, Michel Temer, avaliou, nesta quarta-feira (26), que a redução em um ponto percentual da taxa Selic pelo Banco Central vai incentivar investimentos, gerar empregos e reforçar a mudança do Brasil para melhor.

Em reunião, o Conselho de Política Monetária (Copom) decidiu fixar a taxa em 9,25% ao ano, menor nível desde agosto de 2013, quando a taxa estava em 9%. Essa é a sétima queda consecutiva determinada pela autoridade monetária.

Em decisão unânime, a diretoria do BC optou continuar o ritmo de cortes diante da melhoria da economia brasileira. Na reunião anterior, o ajuste feito também havia sido de 1 ponto percentual.

No comunicado divulgado após a decisão, a diretoria BC afirmou que o cenário permanece “compatível com estabilização da economia” brasileira no curto prazo e com a recuperação gradual do País.

Medidas

Após o anúncio do Copom, o porta-voz da Presidência da República, Alexandre Parola, destacou o conjunto de conquistas, em pouco mais de um ano, do governo Temer na área econômica. "Inflação sob controle; queda da taxa de juros para um dígito; aumento da produção industrial; força do agronegócio e, sobretudo, a volta do emprego", citou. 

"Essas conquistas são resultado da política executada pelo governo, com o apoio do Congresso Nacional, desde que o Presidente Michel Temer assumiu o cargo. São esses números que estão recolocando o Brasil no caminho da prosperidade e do desenvolvimento", disse Parola.

Fonte: Portal Planalto

registrado em: ,
Assunto(s): Economia, Governo federal