Você está aqui: Página Inicial > Acompanhe o Planalto > Notícias > 2017 > 05 > A convite de Temer, economista Paulo Rabello Castro vai presidir o BNDES

Notícia

A convite de Temer, economista Paulo Rabello Castro vai presidir o BNDES

BNDES

O economista, atualmente à frente do IBGE, substituirá Maria Silvia Bastos Marques, que deixou o cargo nesta sexta-feira (26)
por Portal Planalto publicado: 26/05/2017 19h28 última modificação: 29/05/2017 11h18
Marcos Corrêa/PR Presidente Temer e o economista Paulo Rabello Castro

Presidente Temer e o economista Paulo Rabello Castro

O economista Paulo Rabello Castro aceitou nesta sexta-feira (26) convite do presidente da República, Michel Temer, para assumir a presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Atualmente à frente do IBGE, ele assumirá o comando do banco público já na próxima semana.

Castro substituirá Maria Silvia Bastos Marques, que comunicou hoje ao presidente Temer que deixa o cargo por motivos pessoais. O presidente agradeceu a atuação dela no banco, que “despolitizou” a relação com o setor empresarial e “elegeu critérios profissionais” para financiar projetos com recursos públicos.

Leia a nota sobre o convite a Paulo Rabello Castro:

O presidente da República, Michel Temer, convidou o economista Paulo Rabello Castro, atualmente presidente do IBGE, para substituir Maria Silvia Bastos no comando do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Castro aceitou o convite e começará seu trabalho na instituição já na próxima semana.

Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República

Leia a nota com o agradecimento a Maria Silvia Bastos:

O presidente da República, Michel Temer, manifesta seu profundo agradecimento a Maria Silvia Bastos Marques, que presidiu o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social de forma honesta, competente e séria por pouco mais de um ano.

Seu trabalho honrou o governo e moralizou um setor estratégico para o país, despolitizando a relação com o setor empresarial e elegendo critérios profissionais e técnicos para a escolha de projetos a serem contemplados com financiamentos oriundos de recursos públicos. Deixará como legado um modelo a ser seguido em toda máquina pública.

Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República

Fonte: Portal Planalto