Você está aqui: Página Inicial > Acompanhe o Planalto > Notícias > 2017 > 04 > Vamos buscar a aprovação da reforma da Previdência por meio do diálogo, afirma Temer

Notícia

Vamos buscar a aprovação da reforma da Previdência por meio do diálogo, afirma Temer

Previdência

Reunião com deputados federais e ministros busca aprimorar pontos da proposta para aumentar a eficiência e garantir proteção social
publicado: 11/04/2017 11h30 última modificação: 11/04/2017 12h59

O presidente da República, Michel Temer, reuniu-se com deputados federais e ministros, na manhã desta terça-feira (11), para discutir a reforma da Previdência e aprimorar a proposta.

“O importante é que nós, pouco a pouco, vamos acolhendo as sugestões, porque, evidentemente, quando as sugestões vêm do Congresso Nacional, é para aprimorar o projeto, não é para desnaturá-lo, fazendo-o compatível com as aspirações populares, que é o que mais queremos”, afirmou.

Para o presidente Michel Temer, um dos pontos principais da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) é a nova regra da idade mínima para a aposentadoria. A proposta estabelece como regra de acesso 25 anos de contribuição e idade mínima de 65 anos.

Parlamentares

O relator da proposta, o deputado Arthur Maia (PPS-BA), afirmou que as mudanças ainda não estão fechadas, mas que o governo e os parlamentares entendem que mudanças nas regras de transição, no Benefício de Prestação Continuada (BPC) e em outros tópicos precisam ser aprimoradas.

“O ponto crucial dessa reforma é darmos uma idade mínima de aposentadoria e acabar com este modelo absolutamente antiquado e que inviabiliza qualquer sustentabilidade”, afirmou Maia. “A precocidade de idade nas aposentadorias tem levado nossa previdência a insolvência”, observou.

Para o presidente da comissão da Reforma da Previdência, Carlos Marun (PMDB-MS), se tornou unanimidade a percepção de que a reforma é necessária. “Existe uma consciência da necessidade da reforma”, afirmou.

Fonte: Portal Planalto