Você está aqui: Página Inicial > Acompanhe o Planalto > Notícias > 2017 > 04 > Temer destaca investimentos espanhóis no Brasil: “Parceria muito sólida”

Notícia

Temer destaca investimentos espanhóis no Brasil: “Parceria muito sólida”

Relações bilaterais

Em reunião com presidente da Espanha, Mariano Rajoy, Temer declarou que papel dos investidores espanhóis é expressivo para desenvolvimento brasileiro
publicado: 24/04/2017 14h07 última modificação: 24/04/2017 20h09
Foto: Beto Barata/PR Temer comparou reformas feitas pela Espanha com aquelas implementadas nos primeiros meses de seu governo

Temer comparou reformas feitas pela Espanha com aquelas implementadas nos primeiros meses de seu governo

O presidente da República, Michel Temer, destacou, nesta segunda-feira (24), a “parceria muito sólida” com a Espanha e a contribuição do país europeu no desenvolvimento do Brasil. No Palácio do Planalto, Temer recebeu o presidente do governo espanhol, Mariano Rajoy, e uma delegação de políticos e empresários.

Na sua declaração durante a reunião bilateral, Temer destacou os números expressivos do investimento espanhol no País. Somente em 2016, o estoque atingiu US$ 64 bilhões. O presidente lembrou que eles ganharam força na década de 1990, especialmente em setores como telecomunicações, energia, transporte e finanças.  

“Nós esperamos agora, senhor presidente, que a terceira onda, vamos chamá-la assim, que comece agora, precisamente com o relançamento de uma parceria muito sólida entre o Brasil e a Espanha”, afirmou Temer.

Na declaração, o presidente brasileiro comparou também reformas realizadas pelo governo espanhol com aquelas implantadas nos primeiros meses de seu governo. “Dificuldades que a Espanha enfrentou há tempos atrás foram solucionadas por reformas semelhantes àquelas que estamos fazendo aqui”, declarou.

O fluxo de comércio com os espanhóis somou US$ 5,2 bilhões no ano passado. Dona de um investimento que soma quase 7% de seu Produto Interno Bruto (PIB) no País, a Espanha injetou US$ 819,4 milhões na economia brasileira nos primeiros três meses do ano.

“Há nove anos, um presidente do governo espanhol não visitava o Brasil. Essa é a hora de investir no nosso país. Estamos fazendo reformas fundamentais, temos fortíssimo apoio do Congresso Nacional, compreensão de todo o empresariado e confiança dos investidores e consumidores”, afirmou o presidente brasileiro.

Fonte: Portal Planalto