Você está aqui: Página Inicial > Acompanhe o Planalto > Notícias > 2017 > 01 > Governo liberou R$ 2,2 bilhões em emendas para saúde, diz ministro

Notícia

Governo liberou R$ 2,2 bilhões em emendas para saúde, diz ministro

Saúde

Ricardo Barros afirma que quantia é um "recorde absoluto" em relação a anos anteriores
por Portal Planalto publicado: 03/01/2017 18h52 última modificação: 04/01/2017 11h32
Valter Campanato/Agência Brasil Segundo Ricardo Barros, valor da liberação de emendas é recorde

Segundo Ricardo Barros, valor da liberação de emendas é recorde

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, afirmou, nesta terça-feira (3), que o governo federal pagou R$ 2,2 bilhões em emendas parlamentares para a saúde no ano passado. Segundo ele, o número é um "recorde absoluto" em comparação com anos anteriores.

"É um recorde absoluto em percentual de execução de emendas nos últimos anos na saúde", disse o ministro, em entrevista coletiva no Palácio do Planalto.

Barros afirma que projeta concluir uma economia de R$ 3 bilhões com melhoria na eficiência administrativa da pasta até maio deste ano, quando completará um ano de gestão. O objetivo é reaplicar os recursos em serviços hospitalares, ambulatoriais e de atenção básica.

“Estamos reaplicando em mais serviços de saúde. Esses serviços são credenciamentos de serviços hospitalares, ambulatoriais, atenção básica”, disse o ministro.

Segundo Barros, o Ministério da Saúde conseguiu, em cerca de 200 dias de gestão, economizar R$ 1,9 bilhão com eficiência de gestão. Na última semana de 2016, foram liberados R$ 960 milhões para serviços de saúde como resultado dessa economia.

Fonte: Portal Planalto

Assunto(s): Saúde