Você está aqui: Página Inicial > Acompanhe o Planalto > Notícias > 2016 > 12 > Governo amplia investimentos em Pernambuco

Notícia

Governo amplia investimentos em Pernambuco

Nordeste

Além da retomada de obras paradas em escolas e em unidades habitacionais do Minha Casa Minha Vida, mobilidade urbana também foi contemplada com recursos federais
por Portal Planalto publicado: 09/12/2016 18h59 última modificação: 12/12/2016 16h57
Divulgação/UFRPE Recursos federais vão apoiar construção de novo campus da UFRPE em Cabo de Santo Agostinho

Recursos federais vão apoiar construção de novo campus da UFRPE em Cabo de Santo Agostinho

Os investimentos do governo federal em Pernambuco, onde o presidente Michel Temer visita obras hídricas nesta sexta-feira (9), foram intensificados nos últimos seis meses. Só para a educação, foi liberado R$ 1,3 bilhão distribuído entre a educação básica, institutos e universidades federais. Na área de infraestrutura, o investimento do Minha Casa Minha Vida foi de outro R$ 1,3 bilhão.

Além de valorizar o papel do professor, o Ministério da Educação (MEC) retomou obras que estavam paradas nas três universidades federais do estado: Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e Fundação Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf). Para o novo campus da UFRPE, em Cabo de Santo Agostinho, serão liberados R$ 200 milhões até o fim da obra.

O ensino médio e profissionalizante também foram contemplados. A intenção do MEC, segundo o ministro Mendonça Filho, é que Pernambuco conte com 30 escolas de tempo integral.

"Atuamos fortemente na educação técnica profissionalizante, através dos dois grandes institutos: o Instituto Federal do Sertão e o IFPE. Ampliando, retomando obras e fazendo com que a gente fortaleça a rede profissional técnica."

Infraestrutura

No total, 30 mil unidades do Minha Casa Minha Vida estão em construção em 55 municípios de Pernambuco. Os investimentos no estado também foram destinados à urbanização. Em Jaboatão dos Guararapes, por exemplo, foram destinados R$ 19 milhões para a macrodrenagem na comunidade de Aritana.

Na capital, o governo ajuda a recuperar o metrô com investimentos de R$ 61 milhões. No próximo ano, serão instaladas 1,3 mil câmeras nas estações. Também foram autorizamos os projetos para ampliar as linhas até o Porto de Suape.

"Essa linha do metrô vai facilitar muito a mobilidade dos dezenas de milhares que trabalham em Suape como facilitar e resolver um grande problema de mobilidade na região metropolitana do Recife", explicou o ministro das Cidades, Bruno Araújo.

Fonte: Portal Planalto