Você está aqui: Página Inicial > Acompanhe o Planalto > Notícias > 2016 > 11 > Temer: novo marco do pré-sal reativa setor e vai gerar empregos

Notícia

Temer: novo marco do pré-sal reativa setor e vai gerar empregos

Pré-sal

Lei sancionada pelo presidente nesta terça-feira (29) dá à Petrobras o direito de participar da operação em blocos de exploração
por Portal Planalto publicado: 29/11/2016 18h58 última modificação: 30/11/2016 13h41
Foto: Marcos Corrêa/PR Em cerimônia no Planalto, presidente sancionou o novo marco do pré-sal

Em cerimônia no Planalto, presidente sancionou o novo marco do pré-sal

O marco regulatório do petróleo na camada pré-sal vai reativar e dar um novo impulso ao setor. Para o presidente da República, Michel Temer, que sancionou, nesta terça-feira (29), as novas regras, as medidas também incentivarão a geração de emprego no País.

Com a lei, a Petrobras poderá dizer se quer ou não operar em blocos de exploração do petróleo da camada pré-sal. Antes, a estatal era obrigada a participar em pelo menos 30% de qualquer bloco contratado sobre o regime de partilha, independentemente de ter recursos ou não. A alteração dará mais autonomia e capacidade de planejamento da estatal.

“Esse projeto reativa o setor do petróleo e gás. Dá um novo impulso”, disse Temer, na cerimônia de sanção da lei.

Para o presidente, a medida incentiva a geração de empregos ao permitir a inserção de outros setores na exploração do pré-sal. “Eu sinto que, neste momento, estamos praticando um ato em beneficio do Brasil”, disse.

Ao sancionar a lei, Temer disse ter se sensibilizado pelo tema por considerar “um pouco exagerado” que a Petrobras fosse obrigada a participar de todo e qualquer empreendimento.

No discurso, o presidente elogiou a gestão de Pedro Parente na presidência da Petrobras. Nos últimos cinco meses, afirmou o presidente, a empresa foi reajustada e viu crescer seu valor de mercado.

Fonte: Portal Planalto

registrado em: , ,
Assunto(s): Petróleo, Governo federal