Você está aqui: Página Inicial > Acompanhe o Planalto > Notícias > 2016 > 10 > Brasil quer facilitar entrada de empresas brasileiras na Índia

Notícia

Brasil quer facilitar entrada de empresas brasileiras na Índia

Relações internacionais

Governo também vai discutir a celebração de acordos comerciais entre o Mercosul e o BRICS
por Portal Planalto publicado: 14/10/2016 14h54 última modificação: 17/10/2016 11h46
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil Ministro Marcos Pereira adiantou que acordo entre os dois países envolve cooperação e investimentos

Ministro Marcos Pereira adiantou que acordo entre os dois países envolve cooperação e investimentos

O governo brasileiro deve assinar, neste fim de semana, um acordo bilateral com a intenção de facilitar a inserção de empresas brasileiras na Índia. E, ao mesmo tempo, propiciar a vinda de companhias indianas ao Brasil. As informações são do ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira.

Em entrevista à TV NBR, Pereira afirmou que o Brasil vai assinar um acordo de cooperação e investimentos com a Índia na reunião de cúpula do BRICS, que ocorre entre amanhã (15) e domingo (16), em Goa, no oeste indiano.

Este acordo, explica o ministro, envolve cooperação comercial entre os dois países, além de tornar mais fácil os investimentos de empresas brasileiras e indianas nas duas nações. “[O acordo] será muito importante para facilitar a inserção de empresas indianas no Brasil e de empresas brasileiras na Índia”, disse Pereira. 

Balança comercial

Entre 2006 e 2015, o comércio dentro do bloco comercial aumentou 163%, de US$ 93 bilhões para US$ 244 bilhões. Neste mesmo período, a exportação brasileira para os outros membros do BRICS aumentou 202%, passando de US$ 14,25 bilhões para US$ 45,05 bilhões. Já as importações saíram de US$ 10,84 bilhões para US$ 37,87 bilhões. Em 2015, o Brasil registrou um saldo comercial positivo de US$ 5,1 bilhões no comércio com os demais países do BRICS.

Para o ministro, a assinatura do acordo faz parte do trabalho do governo em avançar na reinserção do Brasil no comércio exterior. “O Brasil vinha, infelizmente, sendo sub-representado no comércio internacional. Brasil é a nona economia do mundo e ocupa a 25ª posição no comércio exterior”, disse.

Pereira afirmou que essa reunião da cúpula do BRICS é discutir o aprofundamento dos acordos existentes e a celebração de novos acordos. Além disso, o ministro adiantou que o Brasil negocia acordos no âmbito do Mercosul com os países do BRICS.

“Temos alguns acordos no âmbito do Mercosul e os países da região aduaneira da África do Sul. Temos agora uma negociação entre o Mercosul e a Índia. Já existe um acordo de preferências tarifárias, e estamos negociando um aumento desse acordo de preferências tarifárias”, disse.

Relações comerciais com a Índia

Fonte: Portal Planalto