Você está aqui: Página Inicial > Acompanhe o Planalto > Notícias > 2016 > 09 > Teremos um futuro melhor para nossa educação, diz estudante sobre Novo Ensino Médio

Notícia

Teremos um futuro melhor para nossa educação, diz estudante sobre Novo Ensino Médio

Educação

Estudantes aprovam as medidas previstas no programa lançado nesta quinta-feira (22) pelo presidente Michel Temer
por Portal Planalto publicado: 22/09/2016 19h26 última modificação: 23/09/2016 13h59
Para a estudante Isabela Vasconcelos, o Novo Ensino Médio vai permitir que jovens estudem o que gostam

Para a estudante Isabela Vasconcelos, o Novo Ensino Médio vai permitir que jovens estudem o que gostam

Lançada nesta quinta-feira (22) pelo presidente da República, Michel Temer, a nova proposta de incentivar o ensino médio em tempo integral coloca o estudante como centro da sua educação. O Novo Ensino Médio foca no projeto de vida do aluno, que terá autonomia para escolher as matérias de maior afinidade e a opção de formação técnica profissional na carga horária da escola. 

Marcelo Henrique está no terceiro ano do ensino médio na Escola Estadual José Seffair, que não é em tempo integral e fica em Manacapuru (AM). Para o estudante, a política vai atrair e incentivar o aluno. "Há uma evasão muito grande de alunos. Por desinteresse, às vezes, dificuldades, e com essa proposta do Novo Ensino Médio, o aluno vai ser mais atraído pra escola, vai ter um gosto de ir porque ele vai poder optar pelo que gosta”, disse Marcelo em entrevista concedida ao Portal Planalto.

O estudante acrescentou, ainda, que a iniciativa vai trazer mais oportunidades, especialmente de emprego. "As portas vão se abrir. Teremos um futuro melhor para nossa educação", comemorou.

Isabela Vasconcelos, que estuda na Escola Técnica Cícero Dias, de Recife (PE), expressou a satisfação em poder cursar o ensino médio nos moldes que serão implementados em todo o Brasil.

“A gente fica muito mais motivado fazendo o que gosta. Acho que esse é o diferencial”, afirmou sobre a flexibilização do currículo. “Muitas pessoas têm dificuldade em exatas e não querem seguir esse curso; e outras pessoas têm dificuldades em humanas e também não querem seguir nenhum curso dessa área. E estudando o que a gente quer, já se dá um direcionamento. Se eu quero estudar História, eu vou me aprofundar mais em História. Vou ter essa liberdade”, disse.

Thobyas Torres estuda no Centro Educacional de Tempo Integral Sérgio Pessoa, em Manaus (AM). Ele, que está no primeiro ano do ensino médio, falou sobre as vantagens de estudar numa escola em tempo integral. "Nós temos aulas complementares de química, física, inglês, aulas em laboratórios, informática, salas de música, quadra, campo, piscina etc. Essa é a principal diferença", enfatizou o estudante.

Fonte: Portal Planalto