Você está aqui: Página Inicial > Acompanhe o Planalto > Notícias > 2016 > 07 > Temer recebe parlamentares para discutir avanços no País

Notícia

Temer recebe parlamentares para discutir avanços no País

Crescimento

Bancada do PPS propõe medidas para a educação, a regularização fundiária e a renegociação da dívida dos estados
por Portal Planalto publicado: 05/07/2016 17h53 última modificação: 05/07/2016 20h03
Foto: Beto Barata/PR Presidente Michel Temer se reúne com líderes da bancada do  Partido Popular Socialista (PPS)

Presidente Michel Temer se reúne com líderes da bancada do Partido Popular Socialista (PPS)

O presidente em exercício, Michel Temer, recebeu a bancada do Partido Popular Socialista (PPS) e ouviu sugestões sobre educação fundamental, regularização fundiária e renegociação da dívida dos estados e do Distrito Federal. A reunião aconteceu na manhã desta terça (5), no Palácio do Planalto.

Para viabilizar avanços na educação, o senador Cristovam Buarque (PPS/DF) defendeu a criação de um grupo de trabalho onde os parlamentares pudessem participar e opinar sobre melhorias para a educação fundamental do País.

Já o deputado Marcos Abrão (PPS/GO) reforçou o apoio ao governo e parabenizou o presidente pelas medidas tomadas, inclusive a criação do Cheque Reforma, que prevê a liberação de créditos para famílias que desejam comprar materiais de construção para reforma. "Cada um dos deputados vem de uma área específica, no meu caso eu vim parabenizar o presidente pela criação do Cheque Reforma federal e reiterar a necessidade de nós fazermos um grande programa de regularização fundiária no País", acrescentou.

Para o deputado, a regularização fundiária vai viabilizar escrituras para inúmeras famílias. "Ele [Temer] fez o compromisso de pedir para o ministro das Cidades me procurar para que a gente leve a experiência que nós tivemos em Goiás para todo o Brasil para poder viabilizar as escrituras das famílias que mais precisam", afirmou Marcos Abrão.

Renegociação 

A renegociação da dívida dos estados também foi um dos temas da reunião com Temer. Segundo o deputado André Moura (PSC/SE), antes de discutir o Projeto de Lei 257 na Câmara dos Deputados, é necessário votar duas medidas que podem travar a pauta: crédito extraordinário para o combate ao zika vírus e a questão do antidopping e de medidas tributárias para as Olimpíadas. “Logo em sequência a prioridade é que a gente vote ainda essa semana o mérito da 257”, acrescentou Moura

O Projeto de Lei 257 estabelece o Plano de Auxílio aos Estados e ao Distrito Federal e proporciona medidas de estímulo ao reequilíbrio fiscal.

 

Fonte: Portal Planalto, com informações da Câmara dos Deputados