Nota à imprensa

Todas as atribuições do coronel João Batista Lima Sobrinho em campanhas do presidente Michel Temer sempre foram pautadas pela legalidade, lisura e correção. Essa velha acusação volta a ser requentada hoje pelas autoridades sem que haja provas reais. Depoimentos continuam repletos de contradições e incoerências - inclusive com relação a outras delações já homologadas pela justiça, sem que se façam as confrontações. O assunto tem como único objetivo manter campanha difamatória contra o presidente sem que as investigações produzam fatos reais.

Ou seja, são apenas ficções em série.

 

 

 

Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República

Reportar erro