Você está aqui: Página Inicial > Acompanhe o Planalto > Discursos > Discursos do Presidente da República > Discurso do presidente da República, Michel Temer, durante cerimônia de inauguração do novo Campus de Serra Talhada do Instituto Federal do Sertão Pernambucano - Serra Talhada/PE

Discurso do presidente da República, Michel Temer, durante cerimônia de inauguração do novo Campus de Serra Talhada do Instituto Federal do Sertão Pernambucano - Serra Talhada/PE

por Maria Gleice publicado 30/01/2017 15h10, última modificação 03/02/2017 16h35

Serra Talhada/PE, 30 de janeiro de 2017

 

Olhe, eu quero, eu quero em primeiro lugar, para revelar a integração entre a União, o estado e o município, fazer uma saudação ao Paulo Câmara, ao Luciano e ao Mendonça. Exatamente em função dessa integração, que nós temos tido oportunidade de realizar obras da União, nos estados e nos municípios.

Mas eu quero em segundo lugar, também saudar aqueles que se constituem no futuro do País e que se constitui na força motriz da educação brasileira, que são os alunos do Instituto, que ora estamos inaugurando.

Quero cumprimentar o Raul Jungmann,

O Fernando Coelho Filho,

O Bruno Araújo,

Senador Thieres Pinto,

Os deputados federais Augusto Coutinho, Fernando Monteiro, Gonzaga Patriota, Guilherme Coelho, Kaio Maniçoba,

O vereador Nailson Gomes, presidente da Câmara municipal de Serra Talhada,

A senhora Maria Leopoldina, reitora,

O senhor Fred Amâncio, secretário da educação,

A senhora Eline Nascimento, secretária de educação profissional e tecnológica do Ministério da Educação,

Cumprimentar os senhores prefeitos e quero dizer da satisfação que tivemos neste breve encontro, com muitos prefeitos aqui de Pernambuco.

E Pernambuco tem tido uma, eu tenho tido a oportunidade de vir várias vezes aqui a Pernambuco. E ainda recentemente, como dizia o governador Paulo Câmara, nós viemos acionar uma das bombas para uma das obras mais preciosas para o Nordeste brasileiro, que é a transposição.

E interessante quando o Mendonça diz assim: Nós liberamos 4 bilhões e 500 milhões mais ou menos,  4 bilhões e 500 milhões de reais, que estavam presos, contingenciados, exatamente em nome da educação. Quando nós preparamos o orçamento do ano que vem para a educação, nós aumentamos em 10 bilhões de cruzeiros, em relação a 2016.

Eu não tenho a capacidade que tem o ministro Mendonça Filho. Ele é tão dedicado na educação brasileira, que ele vem aqui, faz um relato circunstanciado de tudo que está acontecendo no ministério. Mas de vez em quando vocês se esquecem de alguma coisa, viu Mendonça. Mendonça se esqueceu de um gesto extraordinário que ele teve, que diz respeito a educação superior. Que foi a abertura de 75 mil vagas para o Fies neste ano. Ainda bem que ele, você precisa me trazer mais aqui em Serra Talhada, viu Mendonça, porque aqui a alegria é fantástica.

Mas olha aqui, vocês sabem que, é interessante governador, Pernambuco tem sido palco, volto a dizer, de grandes gestos da nacionalidades. Aliás, o Bruno Araújo, que é pernambucano, lançou um programa chamado Cartão Reforma, que é uma permissão para que aqueles que ganham até R$ 1.800, possam ir a Caixa Econômica, sacarem R$ 5 mil a fundo perdido, quero dizer, não precisa pagar, para fazer pequena reforma na sua casa, pintura, quem sabe um banheiro, um quarto, alguma coisa dessa natureza.

          O que que me disse o Bruno Araújo? Olhe você presidente, vai entregar o primeiro Cartão Reforma, sabe onde? Em Caruaru. Em Pernambuco daqui uns dias.

          É um prazer ter esses jovens ministros, capazes de produzir tantas coisas extraordinárias.

          Como eu aproveito para cumprimentar também Luciano, a você e a sua família, pela doação do terreno para as instalações deste instituto federal. Veja que se não fosse a doação feita pelo município, nós outros não estaríamos aqui inaugurando esse belíssimo prédio. A senhora reitora fez questão de me apresentar.

Então nós temos tido esta satisfação de verificar que nós estamos com os olhos no presente, abrindo este Instituto, reinaugurando este Instituto, mas com os olhos postos no futuro. Porque aqui ficou evidenciado que sem educação - repetindo aqui - não há solução.

De modo que nós estamos aqui hoje, no presente, mas pensando mais precisamente no futuro.

E eu quero aqui dizer, antes de encerrar estas brevíssimas palavras, e dizer até viu o Mendonça, caríssimos ministros, prefeito, governador. Esses atos nos motivam enormemente. Nós que somos governantes, vocês prefeitos, vereadores, deputados estaduais, secretários, sabem que o que nos anima, o que nos torna animados, e animado é uma palavra que vem de anima,  que vem de alma, quer dizer o que mexe com a nossa alma, o que nos mobiliza, na vida pública, é exatamente o  entusiasmo em fase de algumas realizações.

E esta realização integrada na União, Estados e Municípios, é que gera esta animação em nós todos. Eu volto à Brasília com a alma incendiada para dizer vale a pena estar na vida pública, quando eu vejo obras e pessoas como aquelas que estão aqui hoje, (aplausos) e, aliás, para encerrar, eu quero fazer um registro, disseram que um aluno do 1º ano do ensino médio, integrado do Campus de Serra Talhada, que é a Maria Larissa de Melo, levou medalha de Bronze na olimpíada pernambucana de física.   

Portanto parabéns a ela, ao mestre Daniel Sousa, que é professor de física, e a toda Instituição.

Todos vocês estão trilhando um bom caminho. Porque é o caminho da educação e é o caminho do futuro.

Meus parabéns a vocês.

 

Ouça a íntegra do discurso (02min51s) do Presidente.

 

registrado em: