Você está aqui: Página Inicial > Mandatos de Dilma Rousseff (2011-2015 e 2015-2016) > Releases > Presidenta Dilma anuncia, em Belo Horizonte, o programa Rede Cegonha

Presidenta Dilma anuncia, em Belo Horizonte, o programa Rede Cegonha

por Portal do Planalto publicado 29/06/2011 13h49, última modificação 21/10/2013 17h06
Presidenta da República Dilma Rousseff anuncia o lançamento do programa Rede Cegonha, voltado para o atendimento integral de mães e crianças, desde a gravidez até o desenvolvimento do bebê

A Presidenta da República, Dilma Rousseff, lança nesta segunda-feira (28/3), em Belo Horizonte (MG) o Rede Cegonha, um programa voltado para o atendimento integral de mães e crianças, desde a gravidez até o desenvolvimento do bebê. Trata-se de mais uma iniciativa da Presidenta na área da saúde, com foco especial na qualidade de vida das mulheres brasileiras, dois temas prioritários na agenda do atual governo. O evento começa às 11h, no Palácio das Artes, no Centro de Belo Horizonte.

Nos últimos dois meses, a Presidenta anunciou diversas medidas que visam a apoiar mulheres, mães, crianças e a família. No último dia 23, por exemplo, foi anunciada a implantação de um Programa, cuja meta é construir 6 mil creches e pré-escolas em todo o Brasil, até 2014.

Para fortalecer a rede de prevenção, diagnóstico e tratamento do câncer de mama e do câncer do colo do útero na rede pública, a presidenta Dilma anunciou investimentos da ordem de R$ 4,5 bilhões. Entre as medidas está a implantação de 50 centros de atendimento em mastologia/ginecologia, o incentivo a estados e municípios para oferecer às mulheres entre 25 e 59 anos o acesso ao exame preventivo do câncer do colo do útero, e a vistoria dos 1.645 equipamentos de mamografia do SUS para assegurar a qualidade dos exames.

Além das iniciativas focadas em mulheres e crianças, a Presidenta também lançou medidas de apoio ao jovem e sua família, como a implantação de 49 centros de referência em crack e outras drogas em universidades. Segundo a Presidenta, esses centros vão formar profissionais para oferecer o atendimento e o acompanhamento que os dependentes e seus familiares precisam.

Ainda na área de Saúde, a população hipertensa e/ou diabética foi favorecida com a decisão do governo federal, divulgada no início de fevereiro, de distribuir medicamentos gratuitos contra essas doenças. Mensalmente, serão beneficiadas quase 960 mil pessoas, por meio do programa Aqui Tem Farmácia Popular.

 

Mais informações
Assessoria de imprensa
Ministério da Saúde (61) 3315-3580
Ministério da Educação (61) 2022-7500
Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (61) 3411-2080