Você está aqui: Página Inicial > Mandatos de Dilma Rousseff (2011-2015 e 2015-2016) > Entrevistas > Entrevista coletiva concedida pela Presidenta da República, Dilma Rousseff, na chegada a Assunção

Entrevista coletiva concedida pela Presidenta da República, Dilma Rousseff, na chegada a Assunção

por Portal Planalto publicado 28/06/2011 11h23, última modificação 04/07/2014 11h38
Presidenta Dilma declara ser importante que todos os países tenham uma relação de igualdade, em que todos ganhem nessa relação

Assunção-Paraguai, 28 de junho de 2011


Jornalista: Presidenta, só uma palavrinha: a sua expectativa para amanhã cedo. Por favor.

 

Presidenta: Eu estou feliz de estar aqui no Paraguai. Acredito que a reunião do Mercosul é uma reunião muito especial porque nós somos uma região do mundo onde se constata taxas de crescimento muito elevadas: 15%... mais de 15% aqui e no Paraguai; 8,5% no Uruguai; 7,5% no Brasil. Então, nós somos hoje uma região especial e, portanto, a Cúpula do Mercosul tem de ser especial também.

 

Jornalista: De que forma se pode aproveitar esse crescimento, Presidenta, na hora de negociar com os países?

 

Presidenta: Olha, na minha... eu só vou falar mais uma coisa, tá? Amanhã, além dessa reunião de Cúpula, eu tenho uma reunião especial com o presidente Lugo, que é a minha primeira reunião com o presidente Lugo, apesar de eu já ter tido outras reuniões com ele, na condição de ministra do governo brasileiro.

Eu acho um momento muito importante pelo qual o Paraguai passa, e o Brasil considera o Paraguai um parceiro estratégico, dentro da visão de que é importante que todos os países tenham uma relação de igualdade em que todos ganhem nessa relação e não somente um deles.

Obrigada.

 

Ouça a íntegra da entrevista (01min30s) da presidenta Dilma.