Você está aqui: Página Inicial > Mandatos de Dilma Rousseff (2011-2015 e 2015-2016) > Entrevistas > Entrevista coletiva concedida pela Presidenta da República, Dilma Rousseff, após o encerramento do Fórum Empresarial Brasil-Bulgária - Sófia/Bulgária

Entrevista coletiva concedida pela Presidenta da República, Dilma Rousseff, após o encerramento do Fórum Empresarial Brasil-Bulgária - Sófia/Bulgária

por Portal do Planalto publicado 05/10/2011 14h18, última modificação 04/07/2014 11h40
Presidenta fala sobre relação comercial Brasil-Bulgária e novas oportunidades de negócios entre os países

Sófia-Bulgária, 05 de outubro de 2011

 

Presidenta: Olha, eu acho que sempre tem que ser uma relação em que as duas partes ganhem. Acho que tanto o Brasil, pelo tamanho da nossa economia e das oportunidades... como vocês viram, a Embraer está aqui vendendo seus aviões; a Marcopolo está pleiteando uma licitação, se ganhar, fornecer ônibus aqui na Bulgária; e eles são grandes fornecedores de fertilizantes que nós precisamos.

Sempre numa relação comercial, para ela ser estável, tem que ter equilíbrio. Eu acredito também que é possível, na medida em que a Bulgária integra a União Europeia, nós tenhamos uma relação, também, muito produtiva por esse lado. O Brasil tem, na União Europeia, quando vistos os países em conjunto, seu principal parceiro comercial, uma fonte muito importante dos investimentos europeus no Brasil e, sobretudo – o que está crescente –, investimentos do Brasil na Europa.

Então, eu espero que isso faça parte dessa agenda que começou em Bruxelas, tanto com o governo belga quanto com o governo... quanto com a governança da União Europeia, e aqui tenha um momento também especial porque, além disso, é a terra do meu pai.

 

Jornalista: O coração está preparado para amanhã? Amanhã vai ser especial, não é?

Presidenta: Olha, eu espero que esteja, espero que esteja. Mas a gente nunca sabe.

 

Jornalista: Presidente...

Presidenta: Na hora a emoção pode bater muito forte.

Jornalista: Presidente, com o cenário que a crise econômica mundial afeta alguns principais parceiros econômicos do Brasil, essa região, Bulgária até o Leste Europeu, pode ser uma saída para os empresários da indústria brasileira?

Presidenta: Olha, eu acredito, eu espero também que a Europa tenha uma reação diante deste momento pelo qual ela passa. Espero que haja pelo conjunto da Europa uma recuperação. Esta visita aqui faz parte desse esforço para que o Brasil tenha, cada vez mais, a expansão das suas áreas de comércio. A Bulgária, a Turquia e outras regiões, que são... a Turquia será a próxima, apesar de não fazer parte da União Europeia, é um país importante da Europa. Então, nós estamos nessa atividade. Obrigada a vocês.

____________: Gente, obrigada.

Jornalista: Obrigada, Presidente.

Jornalista: O que a senhora deve a seu pai?

Presidenta: Minha vida. Tem mais do que isso?

 

Ouça a íntegra da entrevista (02min47s) da Presidenta Dilma