Você está aqui: Página Inicial > Mandatos de Dilma Rousseff (2011-2015 e 2015-2016) > Entrevistas > Entrevista coletiva concedida pela Presidenta da República, Dilma Rousseff, antes da Primeira Sessão Privada de Trabalho da VI Cúpula dos BRICS

Entrevista coletiva concedida pela Presidenta da República, Dilma Rousseff, antes da Primeira Sessão Privada de Trabalho da VI Cúpula dos BRICS

por Portal Planalto publicado 15/07/2014 11h58, última modificação 15/07/2014 11h59

Fortaleza-CE, 15 de julho de 2014

 

Jornalista: (...) presidência do banco para fechar acordo?

Presidenta: Querido, nós estamos começando a reunião dos BRICS. Eu não posso – vocês concordam comigo? –, eu não posso antecipar qual vai ser a conclusão da reunião.

Jornalista: Mas era para ter sido fechado ontem, não é?

Presidenta: Meu querido, a reunião dos BRICS acaba de começar, vai ser agora.

Jornalista: A senhora está otimista, Presidente?

Presidenta: Eu estou, porque eu acredito que os BRICS têm dado grandes passos no sentido de criar instituições que vão beneficiar os países emergentes e em desenvolvimento. Por exemplo, o banco. O banco vai contribuir com recursos para garantir investimentos em infraestrutura. E, por outro lado, o acordo contingente de reserva, que tem um montante de 100 bilhões de reais, ele vai contribuir... aliás, de dólares, ele vai contribuir para que esse processo de volatilidade enfrentado por diversas economias quando da saída dos Estados Unidos da política de expansão monetária, seja mais contido, seja mais administrado. E dá segurança, dá uma espécie de rede de proteção aos países BRICS e aos demais, amplia a segurança.

Jornalista: Agora, o mandato vai ser reduzido de cinco anos para menos?

Presidenta: Querido, eu não posso antecipar qual vai ser a resolução.

Jornalista: Mas há possibilidade?

Presidenta: Não vou antecipar, não é correto isso.

Jornalista: O Brasil se posicionará quanto à Ucrânia (...)?

Presidenta: Olha, todos os BRICS se posicionarão quanto a essa questão.

            Obrigada, gente.

Jornalista: Fala depois da Cúpula, então?

Presidenta: Falo, sim. Falo, sem dúvida. É compromisso.

 

Ouça a íntegra (01min49s) da entrevista da Presidenta Dilma