Você está aqui: Página Inicial > Mandatos de Dilma Rousseff (2011-2015 e 2015-2016) > Discursos > Discursos da Presidenta > Discurso da Presidenta da República, Dilma Rousseff, na cerimônia de formatura de alunos do Pronatec - Cabedelo/PB

Discurso da Presidenta da República, Dilma Rousseff, na cerimônia de formatura de alunos do Pronatec - Cabedelo/PB

por Portal Planalto publicado 16/05/2014 16h53, última modificação 04/07/2014 20h22

Cabedelo-PB, 16 de maio de 2014

 

 

Bom dia. Boa tarde. Eu estou muito feliz de estar aqui. Hoje, tem aqui jovens, adultos, homens, e mulheres vencedores. Por isso, eu começo dando parabéns a cada um de vocês. E eu quero saudar vocês pelos cursos. Primeiro, eu queria chamar para que levantassem as mãos o pessoal formando o Instituto Federal da Paraíba, de camiseta branca. Parabéns para vocês. Depois o pessoal aqui do Senac. Depois o pessoal do Senai. O pessoal da Universidade Federal da Paraíba. Pessoal da Universidade Federal de Campina Grande. Para cada um de vocês, os meus parabéns.

Queria também iniciar saudando os professores, cada professor que deu o melhor de si para formar vocês. Meus cumprimentos aos professores e às professoras.

Queria também cumprimentar as famílias, as famílias que apoiaram cada um de vocês. E, como estamos no mês das mães, queria cumprimentar em especial as mães, que se não estiverem aqui eu peço que vocês levem para cada uma das mães o meu cumprimento, porque eu sei do orgulho que elas têm quando vêem vocês formados.

E quero dizer que eu estou muito feliz de estar aqui. Por que uma Presidenta da República vem numa formatura do Pronatec? Porque o Pronatec é muito importante para o país. É importante para vocês, para a família de vocês, para a comunidade de vocês e para o Brasil.

E aí, eu quero iniciar cumprimentando o nosso orador, o Sérgio Sales Filho.

Cumprimentar a Renata de Araújo Rocha, que fez o juramento.

Quero cumprimentar o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, e a primeira-dama Pâmela Bório.

Cumprimentar o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo e a senhora Maísa Cartaxo.

Cumprimentar os ministros que me acompanham nessa segunda visita que eu faço à Paraíba: Henrique Paim, da Educação; Gilberto Occhi, das Cidades.

Queria cumprimentar os senadores que são parceiros do governo federal na elaboração do Pronatec: senador Ciro Nogueira, senador Vital do Rego, senador Wellington Dias.

Cumprimentar os deputados federais também parceiros do governo federal. Inicio cumprimentado o ex-ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, o deputado Assis Carvalho, o deputado Damião Feliciano, Luiz Couto, Nilda Goldim, Hugo Mota.

Cumprimento também os deputados estaduais: Anísio Maia, Daniela Ribeiro, Frei Anastácio e João Gonçalves.

Queria cumprimentar o presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, o vereador Durval Ferreira.

Cumprimentar o Luiz Júnior, secretário de Educação do município.

Cumprimentar os parceiros do Pronatec. Parceiro é algo muito importante na vida, e um governo precisa de parceiros: primeiro, o reitor João Batista de Oliveira Silva, do Instituto Federal da Paraíba, a professora reitora da Universidade Federal da Paraíba, Margareth Diniz. O professor reitor da Universidade Federal de Campina Grande, José Edílson de Amorim. A secretária de Desenvolvimento Humano do estado da Paraíba, Aparecida Menezes.

Cumprimentar o presidente da Federação do Comércio, neste ato representando o Sesc/Senac, José Marcone Medeiros de Souza.

O presidente da Federação das Indústrias da Paraíba, Francisco Buega Gadelha, representando nesse ato o Senai.

Cumprimentar os senhores jornalistas, fotógrafos e cinegrafistas.

 

Pois muito bem, gente. Eu estou aqui muito feliz estar com vocês, e venho aqui porque acho importante para o  nosso país a formatura de vocês. É uma formatura que vocês conquistaram. E aí vocês são um exemplo para o Brasil, um exemplo de esforço, de determinação e dedicação. E mostram que no nosso país, os jovens, os adultos, os homens e as mulheres são capazes de lutar por aquilo que querem, com terminação, com coragem.

Então, eu venho aqui, primeiro, por essa característica fundamental de cada um de vocês que conseguiram com esforço próprio chegar até aqui. mas venho também porque para o Brasil, formar, qualificar, capacitar técnicos é imprescindível, é importantíssimo para que o nosso Brasil cresça. E isso é algo que nós precisamos levar para o Brasil inteiro.

Vocês são uma das primeiras turmas, porque o Pronatec não vai parar, o Pronatec vai continuar. E quero dizer para vocês que nós vamos fazer o Pronatec 2.0, o Pronatec que será a sequência desse Pronatec. E cada um de vocês que quiser continuar fazendo sua a capacitação técnica vai poder fazer.

E quero dizer mais uma coisa: quando nós pensamos no Pronatec, quando nós fizemos as parcerias que vão tornar o Pronatec realidade, nós fizemos pensando claramente em algumas coisas. Primeiro, o curso tinha de ser gratuito, porque todo brasileiro que quisesse fazer teria o direito de fazer sem nenhuma descriminação, porque nós sabemos que esse curso muda a vida das pessoas, muda a indústria, muda a área de serviços, muda o comércio,  muda a agricultura. E esse é um curso que melhora a renda porque melhora a qualificação para o trabalho. Então, ele tinha de ser gratuito. Segundo, ele tinha de ser de qualidade, não podia ser um curso qualquer. Nós tínhamos de procurar quem fosse as instituições mais capazes de fazer o curso. E aí fizemos uma parceria de sucesso entre o Sistema S: Senai; Senac; em alguns estados, também, o Senat, dos Transportes; e o Senar, da Agricultura, com as nossas instituições técnicas federais, tanto universidade, como é o caso aqui hoje, quanto os institutos federais de educação, e também as escolas estaduais, onde houvessem. Essa parceria era uma parceria que olhava o seguinte: onde é que tá o que há de melhor em ensino técnico do Brasil. Pois é lá mesmo que nós vamos fazer os cursos. E aí, a terceira coisa, não podia só ter só cursos, nem três. Tinha de ter cursos diversificados. Primeiro, os chamados cursos de ensino técnico de nível médio, que é o caso do curso do nosso orador hoje, o Sérgio. Segundo, cursos de qualificação profissional em geral. E aí, nós tivemos o cuidado, nós sabemos que as pessoas querem diferentes cursos e sabemos também que dependendo do local, a indústria, a agricultura e o comércio demandam profissões variadas.

Por isso, hoje, aqui, são 10 cursos técnicos, e 66 cursos diferentes de qualificação profissional. Isso é muito importante, porque essa 3ª característica da diversidade, ela permite que cada um de vocês não só olhe a sua ambição, o seu desejo, a sua vocação, mas também onde tem mais emprego.

Porque queremos o quê? Nós queremos esse país com emprego de qualidade para todos os brasileiros. Queremos uma nação em que seja integrada por técnicos, por cientistas, por universitários, mas que seja integrada por técnicos capacitados. Em muitos países do mundo um técnico de qualificação que se forma ao longo da sua vida ganha mais que muito universitário. Porque nenhum país fica sendo um país desenvolvido sem ter técnicos. Técnico é essencial, e olha, o Brasil não tinha a quantidade necessária de técnicos. Vocês devem se orgulhar, vocês são a primeira turma do Pronatec no Brasil. A turma integrada por 8 milhões de brasileiros. Num país de 200 milhões, ainda é pouco. E mais, eu quero dizer para vocês, vamos supor que uma pessoa se formou em eletricista predial. Depois ele pode se formar em eletricista. Depois ele pode se formar em eletrotécnica. E aí ele fez uma carreira como eletricista através do Pronatec. É isso que nós queremos, Queremos que vocês tenham as oportunidades necessárias para ter uma renda melhor, que vai beneficiar a família de vocês, que vai ser orgulho para a família e que vai transformar o Brasil.

Cada brasileiro e cada brasileira são fundamentais para que nós nos transformemos numa nação rica e desenvolvida. E aí, a base dessa riqueza e base desse desenvolvimento está aqui, e o esforço de vocês, cada um de nós, do presidente, passando pelo governador, o prefeito, qualquer um da sociedade tem de valorizar esse diploma que vocês conquistaram e receberam. Porque e ele que vai transformar o Brasil. O símbolo do Brasil desenvolvido não vai ser o telefone celular, não vai ser o iPad, não vai ser  o cartão de crédito, nem a carteira de trabalho. O Símbolo do Brasil desenvolvido vai ser diplomas técnicos de qualificação profissional. É isso que vai ser o símbolo do nosso país desenvolvido.

Hoje aqui eu estou muito orgulhosa porque são 123 municípios que estão fazendo curso do Pronatec. No total, no estado da Paraíba, tem 171 mil pessoas que estão fazendo esse curso, e eu repito, vai ter uma nova rodada de Pronatec daqui para frente. vocês fiquem alertas e se inscrevam. Não deixem de estudar.

Mas eu quero saudar aqui agora os municípios da Paraíba que participam desse esforço. Quero saudar o município de Bananeiras, de Bayeux, Cabedelo, Cajazeiras, Campina Grande, Duas Estradas, Guarabira, João Pessoa, Lagoa de Dentro, Monteiro, Monte Horebe, Patos, Picuí - Picuí, está bem, hein! -, São João do Rio do Peixe, Sertãozinho, Souza, Várzea. Agora vamos ver quem eu não citei… Princesa Isabel, Solânea,  Conde, São Gonçalo? São Gonçalo, Queimadas.

Olha gente, sabe o que acontece? Sabe o que o Paim faz? - o Paim é o ministro da Educação -, o Paim, não bota todos os nomes na lista para vocês ficarem gritando. O Paim é danado... Mas e aí... mas isso é depois, esse pessoal aqui está querendo foto, é depois. Lagoa Nova?

Bom, agora, gente, vamos passar para a segunda parte desse meu discurso... Pedra de Fogo, nome bonito, Pedra de Fogo, Maranguape. Mamanguape - vocês já moraram em 3 cidades diferentes -.

Bom, gente, vamos mudar agora o tema... Arara. Já vi que tem gente aqui que mora em mais de uma cidade.

Bom, eu quero compartilhar com vocês algumas coisas. Eu tive aqui essa semana olhando a interligação da bacia do São Francisco, que vai beneficiar a Paraíba. A Paraíba é beneficiada tanto pelo Eixo Norte, onde eu estive, quanto pelo Eixo Leste. Mas eu queria falar de algumas obras que o governo federal tem muito orgulho de fazer aqui na Paraíba. Primeiro fato é esse da água. Nós estamos duplicando a capacidade de abastecimento de água aqui de João Pessoa. O que é muito importante. A água é condição essencial para a vida, por isso eu considero esse um investimento fundamental. Tenho também muita consideração por uma parceria que nós temos aqui com o governador, que é essa da construção do Centro de Convenções de João Pessoa. Eu, inclusive, como eu vou ter de ir para o Piauí, eu não posso passar lá no Centro de Convenções para fazer uma avaliação.

Bom, eu gostaria de falar para vocês em dois programas, além dos programas de Educação. Um deles é o Minha Casa, Minha Vida, que eu acho um programa essencial. É que o programa Minha Casa, Minha Vida não tem 5 anos. O programa Minha Casa, Minha Vida começou em 2010, mas ele só foi se desenvolver mesmo a partir de 2011. Nós vamos - como fazemos o Pronatec, a segunda etapa do Pronatec -, também vamos fazer a mesma coisa com o Minha Casa, Minha Vida. E assim mais brasileiros e mais paraibanos vão ter acesso ao Pronatec. Tenho certeza que aqui na Paraíba muitas pessoas vão ser beneficiadas.

E queria falar também de um programa que eu considero muito importante, que é o Mais Médicos. Aqui na Paraíba nós tivemos com o Mais Médicos, uma demanda de 257 médicos. A boa notícia é que nós completamos já todos os 257 médicos. No que eu fico muito feliz porque a questão da saúde é necessariamente a expansão dos postos, das Unidades de Pronto Atendimento, mas sem médico ninguém faz saúde sem eles. Não tem como, atendimento médico implica em médico. Daí porque nó fizemos esse programa.

E eu quero completar dizendo a respeito do fato de que também nós ampliamos a formação de médicos nas universidades brasileiras. E aqui, especificamente, nós tivemos essa ampliação.

E quero dizer para vocês que acima de tudo, um país como o nosso que melhorou a renda das pessoas, que diminuiu a desigualdade entre as pessoas e diminuiu de uma forma muito benéfica, porque todo mundo cresceu. Os que eram mais pobres cresceram mais em termos de renda. Mas um país como esse, ele precisa da educação como principal caminho para assegura a permanência das mudanças. Por isso que nós, aqui, no Pronatec, colocamos 14 bilhões. Por isso que nós vamos continuar fazendo Pronatec no Brasil. Por isso que é importante investir em creches. O prefeito estava me mostrando uma das creches que ele construiu aqui, e vocês sabem que no início da vida começa a desigualdade. Quanto melhor o ensino para criança de 0 a 3 anos, mais essa criança vai ter um desempenho melhor ao longo da sua  vida. Por isso que a creche é importante, é importante para a mãe, mas é mais importante para a criança.

Mas todas as faixas, todas as etapas do processo educacional são relevantes. Agora, vocês conquistaram uma dessas etapas, e o fizeram com sucesso, com valor, com dedicação. Como Presidenta da República, eu considero essa formação de vocês uma etapa fundamental para a vida de vocês, é certo, mas para o Brasil. O Brasil, reafirmo mais uma vez, precisa de cada um e cada uma.

Por isso quero desejar a vocês a conquista de um bom emprego. Quero desejar a vocês que nenhum de vocês desista de estudar, e quero desejar a vocês que o esforço de vocês seja recompensado pela capacidade que vocês terão de transformar a vida de vocês e da família de vocês. Cada um aqui tem uma história, alguns com uma história de mais esforço. Saíram de situações difíceis, se esforçaram e se superaram. Outros estão fazendo a trajetória do primeiro emprego. Outros estão buscando melhorar a sua capacitação para melhorar sua renda. Cada um tem uma história, mas todas histórias têm um ponto em comum, e é esse ponto em comum que nós comemoramos hoje. Essa é a vitória do esforço de cada uma e de cada um.

Muito obrigada, um beijo, um abraço e muito sucesso.

 

Ouça a íntegra (28min24s) do discurso da Presidenta Dilma Rousseff