Você está aqui: Página Inicial > Mandatos de Dilma Rousseff (2011-2015 e 2015-2016) > Discursos > Discursos da Presidenta > Discurso da Presidenta da República, Dilma Rousseff, durante visita do Primeiro-Ministro do Timor Leste, Xanana Gusmão

Discurso da Presidenta da República, Dilma Rousseff, durante visita do Primeiro-Ministro do Timor Leste, Xanana Gusmão

por Portal do Planalto publicado 03/03/2011 18h51, última modificação 04/07/2014 20h05
O encontro acontece no Salão Leste do Palácio do Planalto

 

Palácio do Planalto, 03 de março de 2011

 

Excelentíssimo senhor primeiro-ministro da República Democrática do Timor-Leste, Xanana Gusmão,

Senhoras e senhores integrantes das delegações de Timor-Leste e do Brasil,

Senhoras e senhores representantes da imprensa,

Senhoras e senhores,

Com grande satisfação recebo o primeiro-ministro Xanana-Gusmão na primeira visita oficial ao Brasil, em meu mandato. Que essa particularidade do primeiro chefe estrangeiro que eu recebo simbolize a renovação do compromisso do Timor-Leste e do Brasil na construção de um futuro comum, baseado em laços firmes de cooperação e de amizade.

Nessa caminhada, estaremos fortemente unidos pela herança lusófona comum de nossos povos e pela opção democrática de nossas sociedades. Nós, brasileiros, estaremos ainda imbuídos do sentimento de admiração e solidariedade que nutrimos pelo povo timorense em sua luta pela libertação nacional e afirmação de sua identidade.

Queremos ajudar o Timor-Leste a superar o desafio do desenvolvimento econômico e da democracia. É com alegria que, neste meu início de governo, vejo que os atos que acabamos de assinar concretizam importantes iniciativas de cooperação bilateral. Elas revelam nosso amplo potencial de realização conjunta. Atualmente, na área de cooperação técnica, temos 12 projetos em execução e 12 em negociação, nas mais diversas áreas.

Nesse esforço conjunto, atribuímos grande prioridade à consolidação do nascente Estado timorense e de suas instituições. Para que essa missão contasse com fundamentos sólidos, reservamos à educação o papel central, reforçado por nossos laços linguísticos comuns. Por isso, renovamos, nesta visita do primeiro-ministro Xanana Gusmão, o importante projeto que dá continuidade ao trabalho de formação de professores e ensino de português realizado por 50 professores brasileiros em Díli.

Conscientes do caráter essencial da Justiça na conformação de um Estado de Direito, hoje nós assinamos um Ajuste Complementar que permitirá treinamento especializado de timorenses em escolas brasileiras de formação jurídica.

Nesta etapa de consolidação do Estado, também se promoveu a cooperação em matéria de segurança e defesa, no âmbito da qual o Brasil ajuda na formação da Polícia Militar timorense e no treinamento de militares em escolas brasileiras. A fim de ampliar o leque de ações, firmamos, em novembro passado, Acordo-Quadro de Cooperação em Matéria de Defesa.

Na área econômica e social, promovemos atividades de qualificação de mão de obra, fundamentais para o desenvolvimento do Timor-Leste. O Centro de Beccora, administrado pelo Senai, mantém cursos para cerca de 300 alunos em áreas como construção civil, informática e mecânica. Já beneficiou, esse Centro, desde a sua criação, em torno de 1.800 timorenses. Com o mesmo intuito, estamos envolvidos em projetos para o fortalecimento de escolas agrotécnicas, do arquivo nacional e de televisão.

Junto com o Timor-Leste, participamos de várias iniciativas que refletem nossa preocupação comum com a inclusão social. Estão em curso projetos de estruturação da cadeia produtiva pesqueira e de reforço da cadeia do leite. Também apoiamos programas de agricultura familiar para o abastecimento do sistema de merenda escolar e de fornecimento de medicamentos para portadores de HIV.

Hoje assinamos o projeto relativo à “Casa Brasil”, destinado à ampliação da cidadania entre jovens de comunidades carentes, por meio do acesso a tecnologias de informação. Apoiamos o fortalecimento de políticas públicas na área de previdência social.

Senhor Primeiro-Ministro,

Desde sua independência e enfrentando enormes dificuldades, o Timor tem seguido trajetória vitoriosa de consolidação institucional, com inclusão social e fortalecimento da democracia.

O povo e o governo brasileiros estão solidários nessa tarefa de construção e desenvolvimento.

Aqui quero honrar a memória do brasileiro Sérgio Vieira de Mello, que permanece forte elo entre nossas duas nações.

Na arena internacional, também queremos ajudar o Timor-Leste a continuar sendo objeto de atenção e apoio. Por isso, no mês passado, defendemos a manutenção de contingentes policiais adequados para superar seus desafios, durante a sessão do Conselho de Segurança que aprovou resolução prorrogando até 2012 o mandato da Missão Integrada das Nações Unidas em Timor-Leste, a UNMIT.

Quero salientar o quanto o Brasil aprecia o reiterado apoio de Timor-Leste ao pleito brasileiro por um assento permanente no Conselho de Segurança.

Agradeço, enfim, ao primeiro-ministro Xanana Gusmão por nos haver honrado com sua visita. O Brasil recebe hoje uma figura lendária da luta pela libertação dos povos do Sul do mundo. Reitero a grande afeição que o Brasil sente pelo Timor-Leste, que é, ademais, o único país da Ásia e da Oceania a ter o português como língua oficial.

Muito obrigada.

 

Ouça a íntegra do discurso (06min55s) da Presidenta Dilma.