Você está aqui: Página Inicial > Mandatos de Dilma Rousseff (2011-2015 e 2015-2016) > Conversa com a Presidenta > Conversa com a Presidenta > Presidenta Dilma fala sobre o programa Minha Casa, Minha Vida

Presidenta Dilma fala sobre o programa Minha Casa, Minha Vida

por Portal Planalto publicado 28/01/2014 09h00, última modificação 04/07/2014 20h28

 

Coluna semanal da Presidenta Dilma Rousseff

  

Presidenta, o programa Minha Casa, Minha Vida está mudando a vida das pessoas? (*)


Presidenta Dilma – O programa Minha Casa, Minha Vida está transformando a vida de muitas famílias brasileiras, trazendo o conforto e a segurança que só a casa própria é capaz de nos oferecer. Mais de 1,5 milhão de famílias já receberam as chaves e estão morando em uma casa ou em um apartamento que conquistaram com o apoio do Minha Casa, Minha Vida. E além dessas unidades que já foram entregues, nós já contratamos mais 1,7 milhão de casas, cuja construção está em diferentes estágios, por todo o Brasil. Até agora, investimos cerca de R$ 200 bilhões no programa. Esses números mostram claramente o enorme sucesso do Minha Casa, Minha Vida, que é o maior programa habitacional que este país já teve e um dos maiores do mundo. O principal é que, por trás desses números, estão milhões de pessoas, milhões de famílias que não haviam conseguido comprar sua casa, e que, agora, estão tendo a oportunidade de fazer um financiamento com uma prestação que cabe no bolso. Isso é uma grande conquista, sobretudo, para as famílias de renda mais baixa. Com o Minha Casa, Minha Vida, essas famílias estão recebendo um subsídio, ou seja, um auxílio do Governo, que está bancando uma parte importante do valor da casa. Meu Governo tem se empenhado para que as pessoas possam realizar o maior dos sonhos de qualquer família, de qualquer pessoa, que é ter o seu lugar para morar. É um esforço do Governo e também das famílias, que batalharam muito por essa conquista. Por isso, só no meu Governo, nós contratamos a construção de 2,240 milhões de casas, muitas delas já entregues. Mas não paramos por aí: até o final de 2014 nós vamos contratar outras 510 mil casas e cumprir nossa meta de 2,750 milhões de casas contratadas até 2014.

É bom lembrar que o Minha Casa, Minha Vida financia casas e apartamentos para as famílias brasileiras com renda de até R$ 5 mil por mês. As condições do financiamento variam de acordo com a renda da família, porque é dado um apoio maior a quem precisa mais. Quem tem renda familiar de até R$ 1.600,00 por mês paga uma prestação que não pode passar de 5% da renda da família, e o Governo subsidia até 96% do valor do imóvel. O prazo para pagar a moradia nessa faixa de renda é de dez anos.

As famílias com renda entre R$ 1.600,00 e R$ 5 mil por mês também recebem apoio do Governo para adquirir sua moradia, porque sabemos o esforço que cada uma faz no dia a dia para conquistar uma vida melhor. Muitas dessas famílias são formadas por jovens casais que estão começando a vida, que batalham por um futuro melhor e que não têm medo de correr atrás dos seus sonhos. Por isso, para as famílias que ganham de R$ 1.600,00 até R$ 3.275,00, o Minha Casa, Minha Vida dá um subsídio que pode chegar a R$ 25 mil dependendo da renda – seguindo o critério de quanto menor a renda, maior o subsídio. Como o juro do programa é baixo, a partir de 4,5% ao ano mais a TR, as prestações ficam de um valor que elas conseguem pagar todo mês. Certamente, uma prestação muito menor que o aluguel mensal que pagariam.

O Governo apoia também as famílias com renda entre R$ 3.275,00 e R$ 5 mil oferecendo uma taxa de juros mais baixa e pagando parte do seguro. Isso ajuda bastante e pode ser decisivo para uma família realizar seu sonho da casa própria. O Governo está junto das famílias para apoiá-las no grande esforço que fazem para ter uma vida melhor, uma vida digna, com mais conforto e segurança e realizar seus sonhos. É para isso que investimos, como afirmei acima, cerca de R$ 200 bilhões no Minha Casa, Minha Vida. Esse é um investimento que estimula a economia, movimenta a construção civil e gera mais empregos, além de garantir para os brasileiros e as brasileiras mais pobres uma vida muito digna. Vale a pena, sobretudo, porque é um investimento para o bem-estar de todas as famílias do Brasil. O esforço das famílias e o apoio do Governo fazem do sonho da casa própria uma realidade.


(*) Esta pergunta, que precede a Mensagem, foi formulada pela Secretaria de Imprensa para melhor entendimento do conteúdo.

 

 

Mais Informações

Secretaria de Imprensa da Presidência da República

Departamento de Relacionamento com a Mídia Regional

(61) 3411-1370/1601