Você está aqui: Página Inicial > Mandatos de Dilma Rousseff (2011-2015 e 2015-2016) > Café com a Presidenta > Café com a Presidenta > Programa de rádio “Café com a Presidenta”, com a Presidenta da República, Dilma Rousseff

Programa de rádio “Café com a Presidenta”, com a Presidenta da República, Dilma Rousseff

por Portal do Planalto publicado 17/06/2013 09h32, última modificação 03/11/2014 17h27

Rádio Nacional, 17 de junho de 2013

Apresentador: Olá, você, em todo o Brasil, eu sou o Luciano Seixas e começa agora mais um Café com a Presidenta Dilma. Bom dia, presidenta!

Presidenta: Bom dia, Luciano! E bom dia para você que nos acompanha aqui hoje no Café!

Apresentador: Presidenta, a senhora anunciou uma novidade muito boa para as famílias do programa Minha Casa Minha Vida. Conta para a gente que novidade é essa, presidenta.

Presidenta: Olha, Luciano, e uma novidade excelente. Nós lançamos uma linha de crédito de R$ 5 mil para as famílias do Minha Casa Minha Vida comprarem eletrodomésticos e móveis, que vão a nova casa ainda mais bonita e confortável. É o Minha Casa Melhor. Esse financiamento, oferecido pela Caixa Econômica, tem condições muito, mas muito vantajosas mesmo, Luciano. Os juros são baixíssimo, de 5% ao ano, e o prazo para pagar é de até 48 meses. Isso mesmo, Luciano, são quatro anos de prazo para pagar. Quem financiou a casa ou o apartamento do Minha Casa Minha Vida pela Caixa Econômica e pelo Banco do Brasil, todos têm direito ao crédito do Minha Casa Melhor. Mas só pode usar esse crédito, Luciano, quem estiver em dia com as prestações da casa própria. Quem estiver com a prestação atrasada pode regularizar a situação para aproveitar as facilidades do Minha Casa Melhor.

Apresentador: Todas as famílias do Minha Casa Minha Vida têm direito a esse crédito, presidenta?

Presidenta: Todas as famílias do Minha Casa Minha Vida, independentemente da renda, podem pedir o crédito do Minha Casa Melhor. Já tem muita gente fazendo isso. Nos primeiros quatro dias do programa, quase 12 mil pessoas contrataram o crédito para financiar a compra de móveis e de eletrodomésticos. Sabe, Luciano, o Minha Casa Melhor é muito importante para as famílias com renda mais baixa, que tinham e têm muita dificuldade ainda para conseguir crédito barato no mercado. Então, muita gente que nunca teve a chance de ter um eletrodoméstico novo, a dona de casa, por exemplo, que sempre quis uma lavadora de roupas, agora vai poder comprar a sua lavadora. Toda mulher que lava a roupa no tanque sabe como isso é importante, como uma lavadora automática melhora a vida no dia a dia, não é, Luciano?

Apresentador: Com certeza, presidenta. Que tipo de móvel e eletrodoméstico o pessoal vai poder comprar pelo Minha Casa Melhor, presidenta?

Presidenta: Luciano, nós definimos um conjunto de produtos que podem ser comprados com esse crédito. A lista, além da lavadora automática que eu acabei de falar, tem: fogão, geladeira, TV digital e computador. Tem ainda cama de casal ou de solteiro, que pode ser comprada com ou sem colchão, além de guarda-roupa, mesa com cadeiras, e sofá. Cada produto, Luciano, tem um valor máximo e isso é para garantir que as lojas mantenham os preços praticados antes do programa. O preço máximo de uma lavadora automática comprada pelo Minha Casa Melhor, por exemplo, Luciano, é de R$ 850,00. O da TV digital ficou em R$ 1.400,00 e o preço máximo do computador, que pode ser um notebook, passou para R$ 1.150,00.

Apresentador: E a prestação cabe no bolso do pessoal, presidenta?

Presidenta: Olha, Luciano, cabe sim. Você, Luciano, sabe que, quando uma pessoa parcela uma compra, ela tem de olhar o tamanho da prestação e dos juros que ela está pagando. Mas nesse programa, o Minha Casa Melhor, não tem esse problema, porque a pessoa sabe que o juro é o mais barato do mercado. Para você ter uma ideia, Luciano, quem usar todo o crédito, de até R$ 5 mil, e dividir a comprar em 48 meses, vai pagar uma prestação de até R$ 117,00. Ninguém é obrigado a gastar tudo. Quem decide quanto vai gastar e o que vai comprar é o dono ou a dona de casa, que conhece as suas necessidades e o orçamento de sua família. Pode gastar até R$ 5 mil, mas, se quiser, pode gastar menos, R$ 1 mil, R$ 2 mil, R$ 3 mil ou o que ele ou ela quiserem. Se, por exemplo, uma família quiser apenas trocar a televisão antiga por uma digital novinha, dessas bem modernas, para assistir os jogos da Copa, essa família pode pedir o crédito na Caixa ou no Banco do Brasil e fazer a compra.

Apresentador: Então, explica para a gente, presidenta, como as famílias do Minha Casa Minha Vida devem fazer para ter acesso a essa linha de crédito?

Presidenta: É o seguinte, Luciano, todas as famílias que já assinaram o contrato e receberam a casa do programa Minha Casa Minha Vida podem pedir o cartão da Caixa para financiar a compra dos móveis e dos eletrodomésticos. Quem entrar para o Minha Casa Minha Vida a partir de agora vai receber o cartão de compras logo que assinar o contrato da casa nova. Para solicitar o crédito e saber tudo sobre o Minha Casa Melhor é só ligar para o telefone 0800-7268068. Vou repetir, Luciano, 0800-7268068. Desde quinta-feira, Luciano, esse 0800 já recebeu 150 mil ligações. Mas quem preferir pode buscar as informações diretamente nas agências da Caixa ou, se o seu contrato é com o Banco do Brasil, no Banco do Brasil, ou no site do programa na internet, o endereço é www.minhacasamelhor.com.br.

Apresentador: Esse cartão da Caixa pode ser usado em qualquer loja, presidenta?

Presidenta: O cartão só pode ser usado, Luciano, nas lojas credenciadas pela Caixa. Elas terão uma logomarca que vai distingui-las. E são muitas lojas, Luciano, são 13 mil lojas cadastradas em todo o Brasil. Outra coisa importante, Luciano, é que todos os beneficiários do Minha Casa Minha Vida têm um ano para usar o crédito a partir do momento em que receberem o cartão do Minha Casa Melhor. Um ano a partir do recebimento do cartão, Luciano. Então, ninguém precisa ter pressa ou sair correndo para fazer a compra. E eu quero chamar a atenção de todos para mais uma coisa: a loja tem que dar, pelo menos, 5% de desconto sobre o preço à vista para todo mundo do Minha Casa Melhor. Todo mundo pode e deve pesquisar bastante até encontrar o menor preço. O cliente tem que exigir que o desconto apareça na nota fiscal, porque aí é um desconto real.

Apresentador: Ah, presidenta, vai ter muita gente com televisão novinha na Copa, hein?!

Presidenta: Ah, vai sim, Luciano. E ainda tem outra vantagem: quem trocar os eletrodomésticos antigos por aparelhos novos vai levar, para casa, produtos muito mais eficientes, que consomem menos energia e, por isso, diminuem os efeitos sobre o meio ambiente e sobre o clima, Luciano. Isso porque todos os eletrodomésticos que entraram no programa Minha Casa Melhor vão ter o selo de eficiência do Procel. Então, aquela geladeira antiga, que pesa muito na conta de luz, vai ser substituída por uma outra geladeira mais eficiente, que gasta menos energia.

Apresentador: E muita gente vai ser beneficiada pelo Minha Casa Melhor, não é, presidenta?

Presidenta: Ah, vai sim, Luciano. O Minha Casa Melhor faz parte desse grande programa que é o Minha Casa Minha Vida. Nó já entregamos 1,210 milhão de casas em todo o Brasil, e temos mais 1,430 milhão de casas em construção. E, Luciano, até o final do ano que vem, teremos mais 1,110 milhão de casas contratadas. Então, são 3,750 milhões de famílias realizando o sonho da casa própria. E, agora, com acesso também a crédito barato para a compra de eletrodomésticos e móveis. É mudança de casa e é mudança de vida, não é, Luciano?

Apresentador: É sim, presidenta. Presidenta, essas notícias de hoje foram ótimas, pena que o nosso tempo acabou. Obrigado por mais esse Café.

Presidenta: Obrigada, Luciano. E uma boa semana para você e para todos os nossos ouvintes. Até a semana que vem!

Apresentador: Você que nos ouve pode acessar o Café com a Presidenta na internet, o endereço é www.cafe.ebc.com.br. E só para lembrar, o telefone do Minha Casa Melhor é o 0800-7268068. Nós voltamos na próxima segunda-feira. Até lá!

Ouça a íntegra do programa Café com a Presidenta (09min21s)