Você está aqui: Página Inicial > Mandatos de Dilma Rousseff (2011-2015 e 2015-2016) > Bom Dia Ministro > Bom Dia Ministro > No Bom Dia Ministro, Tereza Campello detalha ações do Brasil Sem Miséria

No Bom Dia Ministro, Tereza Campello detalha ações do Brasil Sem Miséria

por Portal do Planalto publicado 09/08/2011 12h11, última modificação 04/07/2014 14h52
A ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello detalha as ações do Plano de Superação da Extrema Pobreza - Brasil sem Miséria, que visa a retirar 16,2 milhões de brasileiros da extrema pobreza, por meio de ações de transferência de renda, acesso a serviços públicos e inclusão produtiva

 

O programa Bom Dia Ministro desta quarta-feira (22/6) entrevista a ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello. No programa, que será apresentado excepcionalmente das 9h às 10h, a Ministra vai detalhar as ações do Plano de Superação da Extrema Pobreza - Brasil sem Miséria, que visa a retirar 16,2 milhões de brasileiros da extrema pobreza, por meio de ações de transferência de renda, acesso a serviços públicos e inclusão produtiva. O Bom dia Ministro é produzido e coordenado pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, e transmitido ao vivo pela TV NBR e via satélite.

Lançado pela presidenta Dilma Rousseff em 2 de junho, o Brasil Sem Miséria pretende incluir a população mais pobre – com renda familiar de até R$ 70 por pessoa - nas oportunidades geradas pelo crescimento econômico brasileiro, por meio de um conjunto de ações que envolvem a criação de novos programas e a ampliação de iniciativas já existentes, em parceria com estados, municípios, empresas públicas e privadas e organizações da sociedade civil.

O Plano engloba ações nos âmbitos nacional e regional. Na zona rural, por exemplo, incentiva o aumento da produção por meio de assistência técnica, distribuição de sementes e apoio à comercialização. Na área urbana, o foco da inclusão produtiva é a qualificação de mão de obra e a identificação de emprego. Além disso, as pessoas que ainda não são beneficiárias do Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada (BPC) serão incluídas nestes programas de transferência de renda.

Do público alvo do Brasil Sem Miséria, 59% estão no Nordeste, 40% têm até 14 anos e 47% vivem na área rural. Equipes de profissionais vão localizar, cadastrar e incluir nos programas as famílias em situação de pobreza extrema. Também vão identificar os serviços existentes e a necessidade de criar novas ações para que essa população possa acessar os seus direitos.

Qualificação profissional - A qualificação profissional é uma das metas do Plano, que pretende levar este serviço a 1,7 milhão de pessoas de 18 a 65 anos, por meio de ações articuladas de governo: Sistema Público de Trabalho, Emprego e Renda; Programa Nacional de Acesso à Escola Técnica (Pronatec); Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem); obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e do Minha Casa, Minha Vida; Rede de Equipamentos de Alimentos e Nutrição; e coleta de materiais recicláveis.

Os agricultores familiares também estão incluídos no Plano. Uma das metas do Brasil sem Miséria para a zona rural é aumentar em quatro vezes o número de agricultores familiares, em situação de extrema pobreza, atendidos pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), passando de 66 mil para 255 mil até 2014. Com a expansão, a participação dos agricultores muito pobres no conjunto dos beneficiários do PAA será elevada de 41% para 57%. Atualmente, 156 mil agricultores vendem sua produção para o PAA e a meta é ampliar para 445 mil até o final do atual governo.

Participam com perguntas, ao vivo, as rádios Estadão Espn (São Paulo/SP), 930 AM (Aracaju/SE), Amazonas FM (Manaus/AM), Redesim Sat (Vitória/ES), Grande FM (Dourados/MS), Verdes Florestas (Cruzeiro Do Sul/AC),  Itatiaia (Belo Horizonte/MG),  Gazeta 1260 AM (Maceió/AL), Amiga FM (Registro/SP), Aliança FM (São Gonçalo/RJ), Globo (Natal/RN), Folha (Boa Vista/RR), Difusora (Macapá/AP), Globo (Curitiba/PR), UDESC FM (Florianópolis/SC), Irecê Líder FM (Irecê/BA) e Rural de Santarém (Santarém/PA).

O programa é transmitido ao vivo pela NBR TV e pode ser acompanhado pelo site da Secretaria de Imprensa da Presidência da República. Para as rádios, o sinal de transmissão é disponibilizado pelo mesmo canal da "Voz do Brasil". Após o programa, o áudio da entrevista estará disponível no site da Secretaria de Imprensa da Presidência da República.

  

Mais Informações
Secretaria de Imprensa (61) 3411.1370
Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República

 

Ouça a íntegra da entrevista (57min30s) da ministra Tereza Campello no programa Bom Dia Ministro.