Você está aqui: Página Inicial > Mandatos de Dilma Rousseff (2011-2015 e 2015-2016) > Bom Dia Ministro > Bom Dia Ministro > No Bom Dia Ministro, Marco Antonio Raupp fala sobre o Ciência sem Fronteiras, a Olimpíada da Matemática e o programa espacial brasileiro

No Bom Dia Ministro, Marco Antonio Raupp fala sobre o Ciência sem Fronteiras, a Olimpíada da Matemática e o programa espacial brasileiro

por Portal do Planalto publicado 25/04/2012 11h23, última modificação 04/07/2014 14h59
A entrevista é produzida e coordenada pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, e transmitida ao vivo pela TV NBR e via satélite, das 8h às 9h

 

O Bom Dia Ministro desta quinta-feira (26) entrevista o ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marco Antonio Raupp. No programa, o ministro irá falar sobre a 8ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas, que registrou este ano número recorde de escolas inscritas. Além disso, Raupp abordará o Ciência sem Fronteiras e o programa espacial e satélite de telecomunicações brasileiro. A entrevista é produzida e coordenada pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, e transmitida ao vivo pela TV NBR e via satélite, das 8h às 9h.

Em 2012, a Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep 2012) registrou número recorde de escolas inscritas (46.728) desde a primeira realização do evento, em 2005. O percentual de cidades mobilizadas também cresceu, passando de 93,5% para 99,42% (5.533 municípios) no mesmo período. A quantidade de estudantes inscritos superou a marca alcançada no ano passado - 18,7 milhões -, atingindo neste ano 19,1 milhões de alunos.

Promovida pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e pelo Ministério da Educação (MEC) e realizada pelo Impa com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), a Obmep foi criada para estimular o estudo da disciplina entre alunos e professores de todo o país, tornando-se a maior competição do gênero no mundo. É dirigida aos alunos de 6º ao 9º ano do ensino fundamental e aos alunos do ensino médio das escolas públicas municipais, estaduais e federais, que concorrem a prêmios de acordo com a classificação nas provas. Professores, escolas e secretarias de educação municipais também são premiados.

Nesta edição, serão concedidas 500 medalhas de ouro, 900 de prata e 3,1 mil de bronze e 46,2 mil certificados de menção honrosa. Os 4,5 mil alunos premiados na Obmep 2012 com medalhas terão ainda a oportunidade de participar do Programa de Iniciação Científica Júnior (PIC-Obmep), com direito a uma bolsa de estudos.

Ciência Sem Fronteiras - Uma das mais ousadas iniciativas do mundo em termos de formação de recursos humanos, o programa Ciência Sem Fronteiras tem a meta de conceder 101 mil bolsas de estudo no exterior até 2014. Até o momento, são 3.697 bolsas implementadas e 14.202 em curso. E, segundo o MCTI, até o fim deste ano, o governo alcançará o número de 20 mil bolsas concedidas pelo programa, o que significa 25% da meta final do setor público, ou seja, 75 mil bolsas. O governo trabalha ainda com a intensificação das oportunidades de treinamento tecnológico no âmbito do Ciência Sem Fronteiras, buscando parcerias com empresas de alta capacitação tecnológica.

Programa Espacial e satélite de telecomunicações - O mercado espacial mundial vem se ampliando rapidamente pelos ganhos de escala com a oferta e a demanda intensivas de aplicações e serviços, além do ingresso de novos atores nesse mercado. Entretanto, a participação brasileira nesse mercado ainda é tímida, e centrada hoje em projetos de desenvolvimento de satélites e veículos lançadores estabelecidos no Programa Nacional das Atividades Espaciais (PNAE).

Para reverter a situação de dependência de satélites estrangeiros em que hoje o país se encontra, o governo está investindo na construção do satélite geoestacionário brasileiro para fins de defesa e comunicações estratégicas. O projeto envolve os Ministérios das Comunicações, Defesa e Ciência e Tecnologia e Inovação, além da Telebrás e a Embraer, e resultará ainda em instrumento de massificação do acesso à internet no âmbito do Programa Nacional de Banda Larga (PNBL).

Participam do programa, ao vivo, as rádios: Aparados da Serra AM (Bom Jesus/RS); Cacique (Sorocaba/SP); Sete Colinas AM (Uberaba/MG); UDESC FM (Florianópolis/SC); Guarany 100,3 FM (Santarém/PA); Barreiras AM (Barreiras/BA); Cultura FM (Posse/GO); FM Dom Bosco (Fortaleza/CE); Cultura dos Palmares 1450 AM (Palmares/PE); Difusora Acreana AM (Rio Branco/AC); CBN Manaus (Manaus/AM); Comunitária Estação VG FM 105,9 (Várzea Grande/MT); Onda Sul FM (Francisco Beltrão/PR) e Escola 101 100,9 FM (São João do Meriti/RJ).

O programa é transmitido ao vivo pela TV NBR e pode ser acompanhado por meio do link no site da Secretaria de Imprensa da Presidência da República. Para as rádios, o sinal de transmissão é disponibilizado pelo mesmo canal da "Voz do Brasil". Após o programa, o áudio da entrevista estará disponível no site da Secretaria de Imprensa da Presidência da República.

 

 

Mais informações
Secretaria de Imprensa: (61) 3411-1370

 

Ouça a íntegra da entrevista (57min39s) do ministro Marco Antonio Raupp

Assunto(s): Governo federal