Você está aqui: Página Inicial > Mandatos de Dilma Rousseff (2011-2015 e 2015-2016) > Bom Dia Ministro > Bom Dia Ministro > Ministro Aldo Rebelo faz balanço das obras nos estádios da Copa de 2014

Ministro Aldo Rebelo faz balanço das obras nos estádios da Copa de 2014

por Portal do Planalto publicado 21/03/2012 14h33, última modificação 04/07/2014 14h59
Na pauta, o balanço das obras nos estádios que irão receber os jogos da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 e o programa Bolsa-Atleta

 

O programa Bom Dia Ministro desta quinta-feira (22) recebe o ministro do Esporte, Aldo Rebelo. Na pauta, o balanço das obras nos estádios que irão receber os jogos da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 e o programa Bolsa-Atleta. A entrevista é produzida e coordenada pela Secretaria de Imprensa da Presidência da República, e transmitida ao vivo pela NBR TV e via satélite, das 8h às 9h.

Estádios – O Ministério do Esporte confere de perto os preparativos nas 12 arenas que irão receber os jogos da Copa do Mundo da FIFA 2014. Mensalmente, uma equipe técnica monitora o andamento das obras. Já o ministro Rebelo realiza ciclo de visitas a cada três meses. A primeira etapa, iniciada no Castelão em novembro de 2011, foi concluída agora em março com a vistoria do Maracanã, no Rio de Janeiro, onde 39% do projeto já foi executado. Rebelo afirma que o andamento das obras é compatível com o cronograma estabelecido.  

Bolsa-Atleta – O programa Bolsa-Atleta contemplará este ano 4.243 atletas de 53 modalidades que compõem os programas dos Jogos Olímpicos e dos Jogos Paralímpicos. O número representa um aumento de 33,3% em relação aos 3.182 de 2011. A edição 2012 também marca um novo momento do programa, que passa a apoiar atletas consagrados no cenário esportivo, independentemente de já receberem patrocínio.

Os recursos também aumentaram: em 2012, o Ministério do Esporte destinará R$ 60 milhões para atender aos 4.243 bolsistas dos esportes olímpicos e paralímpicos. Em 2011, esse valor foi de R$ 44 milhões.

O Bolsa-Atleta atende esportistas que tenham obtido bons resultados independentemente de sua condição econômica. O programa é democrático porque, para ser contemplado, o atleta necessita apenas obter bom desempenho (primeiro, segundo ou terceiro lugar) nas competições qualificatórias indicadas pelas respectivas confederações de cada esporte, sem necessidade de intermediários. Para ter inscrição assegurada, basta que cumpra os requisitos legais para cada categoria do benefício, mantenha-se em treinamento e competição e alcance bons resultados.

Participam do programa, ao vivo, as rádios: Estadão ESPN (São Paulo/SP); Amazonas FM (Manaus/AM); MEC 800 AM (Rio de Janeiro/RJ); Itatiaia (Belo Horizonte/MG); Difusora 590 AM (Curitiba/PR); CBN (Recife/PE); Difusora de Mossoró (Mossoró/RN); Educadora 107,5 FM (Salvador/BA); Verdes Mares (Fortaleza/CE); São Francisco 670 AM (Anápolis/GO); Alternativa FM (Várzea Grande/MT); Redesim SAT (Vitória/ES); Gaúcha (Porto Alegre/RS); Pioneira AM (Teresina/PI); e CBN (Brasília/DF). 

O programa é transmitido ao vivo pela TV NBR e pode ser acompanhado por meio do link no site da Secretaria de Imprensa da Presidência da República. Para as rádios, o sinal de transmissão é disponibilizado pelo mesmo canal da "Voz do Brasil". Após o programa, o áudio da entrevista estará disponível no site da Secretaria de Imprensa da Presidência da República.

 

Mais informações
Secretaria de Imprensa (61) 3411-1370

 

Ouça a íntegra da entrevista (57min51s) do Ministro do Esporte.